Ministério do Meio Ambiente permite criadores de animais em reunião interna do Ibama

Animais silvestres criação em cativeiro

O Ministério do Meio Ambiente convocou criadores de animais silvestres para uma reunião do Ibama em Brasília um dia antes do evento ser realizado, na última terça-feira. Integrantes do órgão, no entanto, acreditam que a reunião deveria ser restrita a servidores.

O alerta foi feito por funcionários em documentos internos obtidos pelo jornal o Globo. Segundo eles, possíveis fragilidades do sistema de controle da fauna e procedimentos internos poderiam ser expostos.

Em uma publicação feita no site do Ibama às 18h de segunda-feira, a pasta anunciou que estavam abertas as inscrições para a participação de “representantes do setor regulado” na 1ª Oficina de Levantamento de Requisitos da Plataforma Nacional de Fauna.

O evento, no entanto, começaria às 9 horas do dia seguinte, isto é, 15 horas depois da abertura das inscrições. O Ministério abriu 10 vagas para representantes do setor, incluindo criadores de animais silvestres.

O objetivo da oficina é o desenvolvimento de um sistema que integrará informações sobre gestão de fauna em cativeiro de todos os estados brasileiros.

A Plataforma Nacional de Fauna é um sistema previsto por resolução interna do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). Ela reunirá dados e informações necessárias para a gestão e o controle do uso e manejo da fauna em cativeiro.

Os indivíduos e empresas autorizadas a exercerem atividades de uso e manejo da fauna em cativeiro usarão o sistema para identificação e marcação dos espécimes.

Com esse controle, será possível para o governo o monitoramento de ações, identificação de comportamento suspeitos e direcionar a fiscalização e coleta de dados.

Com informações de o Globo

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

OUTRAS NOTÍCIAS