De segunda a sexta-feira
das 12h às 14h
Radio WEB Radio Ao Vivo Acompanhe pelo RSS
nada
grupo noticias

Francisco Rocha: Destaque nas Vendas de Ônibus na Região

A Fachada da loja tem desing peculiar



Colunistas











links

>>
>>

jornalistas
Blogs


Carlos Lima
carloslima@jornaldapovo.com.br
Carlos Antonio de Lima, brasileiro, natural de Caruaru, Estado de Pernambuco, nasceu no dia 22 de dezembro de 1951. Jornalista e radialista. Atualmente Tesoureiro da Academia Feirense de Letras, Diácono da Igreja Católica Apostolica Independente de Feira de Santana, âncora do programa jornalístico Jornal da Povo, da Rádio Povo, emissora que pertence ao Sistema Pazzi de Comunicação e chefe de Redação e Divulgação da Secretaria Municipal de Comunicação Social. Carlos Lima, como é conhecido.


Publicado em: 08/01/2013 - 21:01:39 Comentário

Théo é o quarto neto



A notícia de mais um neto é a certeza

de que a vida prossegue no seu curso natural.

 

Continuarei presente...

É uma felicidade esfuziante.

 

Principalmente quando paramos e recordamos a casa dos nossos país,

nos lembramos dele... Dos nossos filhos quando crianças...

São dois momentos distintos e idênticos...

 

É como se estivéssemos assistindo um filme em série,

nossos avós, nossos pais, nossos filhos e nossos netos,

sofro apenas a incerteza de ver meus bisnetos...

 

Sentimos o passar do tempo.

Sentimos a renovação da vida.

Sentimos que o tempo é o verdadeiro construtor de vidas

e nós somos as peças principais do Arquiteto do Universo...

 

O desgaste natural das peças é importante para que outras

aprimorem o funcionamento desse universo inatingível por nós.

 

Aqui, amamos, sorrimos e sofremos...

Aqui, aprendemos pouco pelo muito que existe...

Aqui, vivemos o tempo que nos é permitido...

 

Nossos descendentes são a certeza de que temos um pouco de Deus.

Ele nos concedeu esse poder...

Também geramos vida.

Também sofremos por não acompanhar cada uma delas...

 

No entanto,

sabemos nos confortar,

eles também serão construtores de vidas.

Bem-vindo Théo Dias Lima.



Publicado em: 03/01/2013 - 16:01:03 Comentário

O Início



 Eu, meu pai e minha mãe em 1951, poucos meses após o meu nascimento

A verdade é, enquanto Tarcízio Pimenta deixava o governo de forma melancólica, saindo aos trôpegos. José Ronaldo assumiu, mais uma vez, com áurea de esperança, transformação e resgate da credibilidade  do município de Feira de Santana.

O ano de 2012 deixou de ser evidência, no calendário, a meia noite da última segunda feira, para entrar na história do tempo.

O ano de 2013 chegou como um moleque travesso, e com certeza muito vai aprontar. Os problemas serão os mesmos, mas as esperanças serão muitas e totalmente renovadas.

Tudo continua como antes no que diz respeito aos problemas. Teremos muito trabalho, sobressaltos, fatos e acontecimentos bons e ruins. Muitas contas pra pagar e outras para contrair, vamos sorrir e chorar.

Foi assim e sempre será. Um ano que acabou e outro que se inicia. Vamos respirar fundo, o balão de oxigênio está cheio no começo de 2013, que não é bissexto. Vamos manter a esperança tão natural nos sonhadores, até que o oxigênio fique rarefeito. Para ser renovado no ano seguinte.

Estamos inseridos na fração dos segundos que o tempo absorve e chamamos a isso de vida. Tão curta como um sopro na eternidade. (a vida é um sopro – Oscar Niemeyr)

Vamos começar? Que nada! Estamos continuando. Aqui e ali, nos enganando. Mas continuando enquanto não surge uma reação que elimine o sopro.

E quando isso acontecer deixaremos de estar aqui e talvez sejamos lembrados com saudade ou sem. Mas, lembrados por quem?

Quando eu era criança pedia aos meus pais “- veja aqui, quero laranja”. Naquela época não tinha forças para descascar as frutas, a única que conseguia, sem ajuda, era a banana, desde que não ficasse com talo.

“Papai, corta pra mim?” Eu sempre fiz isso, com o papai ou com mamãe. Queria que eles sempre descascassem, ou começassem a descascar.

O que eu queria era que eles fizessem o primeiro corte na casca, para mim era o mais difícil, era resistente.

Na maioria das vezes acontecia o que sempre melhor, eles descascavam toda a laranja. Raramente eu fazia o resto do trabalho.

Minha mãe morreu em 1988 e meu pai morreu em 2009 e não sou mais criança. Mesmo assim, ainda sinto a falta deles, queria tê-los ao meu lado para, no mínimo, “iniciar a resolução dos meus problemas, ouvi-los, sentir os afagos e carinhos verdadeiros e me ajudar a enfrentar a vida”.

Vida que se faz acompanhar de duras e cruéis maldades que são lançadas sobre meu caminho.

Hoje, minhas laranjas são outras. Preciso “descascar” as dificuldades do trabalho, os obstáculos dos relacionamentos com amigos, os problemas familiares. As falsidades. As dificuldades financeiras.

Encaro tudo isso sozinho, não tem ninguém para fazer o aquele pedido: “papai olha aqui”.

A luta pela saúde é um esforço diário. A construção do relacionamento é um embate perigoso na arte de viver.

Diante desses fatos ainda é preciso encontrar momentos para viabilizar felicidade. Estou quase ficando sem início. Os desafios se somam e as forças se esvaem.

Em toda nossa vida o único porto seguro são nossos pais. É o símbolo maior da segurança. Quando pedia aos meus pais para iniciarem a descascar a laranja, tinha a mais absoluta certeza de que ela seria minha.

Quando a vida parecer muito difícil, como a casca de uma laranja em mãos infantis, lembremo-nos que também temos um pai Divino. E para esse ano de 2013, vamos pedir ao nosso grande pai, que nos ajude a “iniciar o que deve ser iniciado”.



Publicado em: 19/12/2012 - 09:12:03 Comentário

Fatos políticos



kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk...

Decisão

Cheguei domingo de viagem e ainda não tomei uma decisão, disse o ex-secretário de Saúde. Que decisão? Voltar para a Câmara? Deve ser gozação...

Desespero

O vereador Lulinha, reclama, reclama e reclama... Agora da coligação... Antes da perseguição... Depois será da não nomeação para o primeiro escalão e a seguir da desconsideração: segundo ele...

Anuncio

Será no dia 20 no espaço JR Eventos, na Avenida Maria Quitéria, o anuncio dos secretários pelo prefeito eleito, José Ronaldo de Carvalho... Os nomes a serem anunciados, não devem trazer muitas surpresas... Duvidas? Aguarde...

Passagem de governo

O prefeito Tarcízio Pimenta não vai à Prefeitura na tarde do dia 1ᵒ de Janeiro. Teme que a não seja bem recebido... Tem razão... O clima não estará ardido...Gato escaldado tem medo de água fria!

Não conte a ninguém

Um homem estava vendendo um terreno na av. Getúlio Vargas. Apareceu um político que queria comprar. A condição para efetuar a compra no valor de hum milhão e seiscentos mil reais era não contar que ela que comprou.

O negócio foi fechado no final da tarde. Na manhã seguinte, fazendo Cooper na avenida encontrou um amigo e foi logo dizendo: Vendi o terreno a “fulana de tal”. Ela pediu para não dizer a ninguém.

O amigo diz: Mas você está dizendo o seu nome, não devia fazer isso.

- Ora, ela bem que poderia pagar com um cheque. Mas me deu um saco de dinheiro e tive que passar a noite toda contando o dinheiro...

Previdência Municipal

Uma herança maldita para José Ronaldo, recebeu de Clailton Mascarenhas, negociou o débito em 2007 com o aval da câmara Municipal, agora de Tracízio Pimenta... Já negociado, sem o aval do Legislativo feirense...

Chave de Ouro

O presidente da Câmara Municipal de Feira de Santana, o vereador Antonio Francisco Neto (Ribeiro), encerra sua carreira como agente público, (cinco mandatos, seguidos, de vereador) com chave de ouro, nada que desabone sua conduta como representante do povo... PARABÉNS VEREADOR

Dissidência

Os vereadores do PT, Beldes e Nery, não farão oposição sistemática ao prefeito eleito, José Ronaldo (DEM).

A oposição

Será mais frágil do que a gestão dos dois últimos mandatos de José Ronaldo. A oposição ‘petista’ chegará na Câmara totalmente dividida...

Crise institucional

Pode ocorrer no país. O STF desqualificou o Congresso Nacional, não considerou o artigo 55 da Constituição do País e não está levando em consideração que é uma decisão provisória, cabendo embargos contra ela.

Lewandowisk

A decisão de cassar os mandatos é provisória, precária e não terá efeitos no curto prazo.

A posição do Supremo suprimiu a prerrogativa constitucional do Congresso Nacional, d decidir sobre a perda dos mandatos...



Publicado em: 08/12/2012 - 17:12:02 Comentário

As mais comentadas na política feirense



Reunião do prefeito e o reitor da UEFS - foto assessoria do prefeito eleito

O encontro de Ronaldo com o reitor da UEFS

O prefeito eleito José Ronaldo esteve reunido com o reitor da UEFS, José Carlos Barreto. A reunião aconteceu no gabinete da reitoria. Esse o foi o primeiro encontro depois do resultado das eleições.

A pauta principal foi a discussão preliminar de projetos existentes entre as partes e de propostas de parcerias para o futuro. O prefeito eleito José Ronaldo afirmou esperar um bom relacionamento entre Prefeitura e Uefs, Uefs e Prefeitura.

A santa e o bicho

“Não sei nem que bicho é este”. Aconteceu na Câmara Municipal de Feira de Santana quando uma edil falou sobre a festa de Santa Bárbara. O fato teve repercussão no mundo católico. A edil foi criticada pela maioria da população feirense.

Ronaldo e Luciano assume governo na tarde do dia 1º

A assessoria do prefeito eleito José Ronaldo divulgou a programação de posse. Será na terça feira, 1º de janeiro de 2013. Às 15 horas, o prefeito e o vice serão empossados na Câmara Municipal; às 16h30, depois seguem em comitiva para a Prefeitura, onde recebem a transmissão de cargo; e às 17h30, acontece celebração Eucarística em ação de graças na Catedral de Senhora Santana.

Cooptação

A vereadora Eremita, reeleita, e da base aliada do prefeito Tarcízio Pimenta, pode decididir a qualquer momento a base aliada de José Ronaldo, os entendimentos estão avançados, segundo uma fonte do alto escalão. Há quem duvide. Será?

Zé Chico

Será candidato a deputado federal com apoio de João Durval e pode indicar alguém para uma secretaria no governo de José Ronaldo.

Uma corrida incerta

Dizem ser o lobby que, parte dos evangélicos, está fazendo para que Dimas Oliveira seja o secretário de Comunicação.

Negociação

Estão bastante avançadas as negociações para que o deputado federal Fernando Torres (PSD) retorne a base aliada do governo Jaques Wagner. Vários encontros já aconteceram.

Definição de cargos

O prefeito eleito José Ronaldo já está se reunindo, individualmente, com os vereadores eleitos e reeleitos da sua base aliada. Na reunião se discute início de governo e a primeira etapa dos cargos que poderão disponibilizados.

Despedida melancólica

É o que se diz do governo de Tarcízio Pimenta, nem a decoração natalina a cidade recebeu. O Teatro Margarida Ribeiro fechou as portas, as pautas agendadas foram canceladas. Os buracos povoam o centro e periferia de Feira de Santana. mFaltam funcionários, falta médicos, medicamentos e respeito à população, é dizem nos quatro cantos da cidade...

Clériston Andrade

O atual secretário de Saúde, Getúlio Barbosa pode assumir a direção do Hospital Clériston Andrade. Os entendimentos com o deputado estadual Zé Neto já vem acontecendo a algum tempo. Resta esperar as informações oficiais...



Publicado em: 01/12/2012 - 14:12:19 Comentário

Na questão dos royalties da camada pré-sal, presidenta Dilma Rousseff toma decisão contrária aos estados mais pobres do país



Esse é o povo que precisa

A decisão da presidenta Dilma Rousseff de vetar a redistribuição dos royalties do petróleo aprovada pela Câmara Federal no que diz respeito aos contratos atuais (em operação) é histórica sim, permite que os Estados mais pobres continuem assim e que os Estados que se dizem produtores fiquem mais ricos.

Com promessas estapafúrdias, ridículas, ao prometer que nos futuros contratos do pré-sal, a redistribuição será para todo o Brasil - Estados e Municipios – desses futuros benefícios e que vai destinar para a educação 100% desses recursos.

O governo tem capilaridade suficiente para que o veto de Dilma Rousseff não seja derrubado na Câmara Federal.

Só a minoria poderá bater de frente com o veto da presidente. Os demais têm seus interesses a serem preservados. Inclusive até o governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB) já disse que é totalmente possível aprovar as medidas provisórias (MPs) baixadas pela presidenta sobre essa redistribuição e manter os vetos da presidente. Os interesses políticos estão acima dos interesses da população mais sofrida desse país.

Investir em educação, C&T é a mais importante questão política, concordo, mais um povo que tem fome vai aprender como?

Um povo onde a prostituição infantil sustenta famílias no nordeste brasileiro vai aprender como?

Um povo onde uma jovem de 18 anos coloca em leilão a virgindade para cuidar da mãe que sofreu AVC e que não encontra amparo na saúde pública vai aprender como?

Um povo que sofre a corrupção dos seus dirigentes com desvio e roubo de – pasmem - merenda escolar e verba pública, vai aprender como?

Um povo que sofre com a impunidade e falta de segurança vai aprender como?

Não tenhamos dúvida que essa questão dos royalties da camada pré-sal é a mais importante questão política do momento. E que tem como pano de fundo as eleições e os acordos eleitorais para 2014.

Está em primeiro plano as estratégias políticas partidárias do processo de sucessão presidencial. O resto é massa de manobra.

O impacto na vida social e cultural do brasileiro só vai avançar para os estados que se dizem produtores e que dentro dessa visão anticonstitucional, terão mais recursos, ampliando as desigualdades nas regiões mais pobres do nosso país. Diga-se Norte e Nordeste.

A presidenta simplesmente pavimentou com promessa de descobertas futuras o caminho da miséria de grande parte do povo brasileiro. A cada dia que passa mais me conscientizo que o Nordestino é um forte, um teimoso, está morrendo e continua lutando para ter esperança de dias melhores, mesmo enfrentando tais situações...

Não sei se é assim que se transforma o Brasil num país justo e igual. E ainda dizem que a riqueza desse país pertence ao seu povo. Qual?

O do sudeste, sul, centro-oeste? Pergunta-se: Se Lula que é nordestino e estivesse na presidência tomaria essa decisão de voto?

Essa é a revolução na educação? Como?

A pesquisa feita e divulgada esta semana pela consultoria britânica Economist Intelligence Unit (EIU) que situa o Brasil em penúltimo lugar num ranking global de educação que comparou 40 países não reforça o veto de Dilma, muito pelo contrário, demonstra um erro irreparável, só espero que os deputados derrubem esse veto que vai de encontro as camadas mais pobres desse país.





Página 1 de 39





Programa Jornal do Povo


Warning: include(1.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in /home/jornal/public_html/antigo-site/publicidade_lateral_blog.php on line 24

Warning: include(1.php) [function.include]: failed to open stream: No such file or directory in /home/jornal/public_html/antigo-site/publicidade_lateral_blog.php on line 24

Warning: include() [function.include]: Failed opening '1.php' for inclusion (include_path='.:/usr/lib/php:/usr/local/lib/php') in /home/jornal/public_html/antigo-site/publicidade_lateral_blog.php on line 24


Programa Jornal do Povo


Fale Conosco

rodape

By Feira de IdeiasCopyright © Programa Jornal da Povo - Todos os direitos reservados.

Rua Juventino Pitombo 365 - Sobradinho - Feira de Santana - Bahia - CEP 44149-999
Telefones - (75) 3614.3727 - (75) 8140.4139 - (75) 9966.2504