Carlos Lima
Hoje dia 10/12/2018 às 18:15:59

Cinema
Carlos Lima | Publicado em 11/10/2018 às 10:17:09

As viúvas abre Festival de Cinema de Londres

As viúvas abre Festival de Cinema de Londres Steve McQueen posa ao lado da mulher, Bianca, e dos filhos, Alex e Dexter, na abertura do Festival de Cinema de Londres, onde apresentou o filme "As Viúvas" — Foto: Anthony HARVEY / AFP

Primeiro longa do diretor após ’12 Anos de Escravidão’ se passa em Chicago e aborda gênero, raça, política e crime.

O diretor britânico Steve McQueen abriu o Festival de Cinema de Londres nesta quarta-feira (10) com o filme “As Viúvas”, dando início ao evento de 12 dias que organizadores disseram neste ano se orgulhar de divulgar cineastas mulheres.

Na Leicester Square, região central de Londres, McQueen se juntou no tapete vermelho a membros do elenco, entre eles a vencedora do Oscar Viola Davis, o ator Daniel Kaluuya, de “Pantera Negra”, e a atriz Michelle Rodríguez, da franquia “Velozes e Furiosos”.

O thriller conta a história de um grupo de viúvas que planeja um assalto para pagar uma dívida deixada por um crime cometido por seus falecidos maridos e é o primeiro grande longa de McQueen desde “12 Anos de Escravidão”, vencedor do Oscar em 2013.
Adaptado de uma série de TV da década de 1980 escrita pela britânica Lynda La Plante, o filme se passa em Chicago e aborda gênero, raça, política e crime.

“Seria desonesto não falar sobre todas essas questões porque isso passa por cada fibra da cultura americana, então isto deve ser uma parte da nossa história”, disse Viola Davis à Reuters.

Viola, que é negra, disse ter se sentido animada quando leu o roteiro, acrescentando: “Se torna uma coisa fácil … Eu sempre digo que se rejeitasse esse papel, ele provavelmente teria ido para uma atriz caucasiana”.

O filme apresenta um forte elenco feminino e outros nomes de Hollywood, como Liam Neeson, Robert Duvall e Colin Farrell. McQueen descreveu isto como um “passeio de montanha russa por nosso mundo”.

“Pessoas estão falando sobre este filme: ‘Que ótimo, eles estão fazendo filmes com mulheres protagonistas’. Nas décadas de 30, 40 e 50, eles faziam isto o tempo todo”, disse. “Elas eram estrelas que eram ícones. Por que não estamos mais fazendo isto? Eu não sei”.

Embora menor que os festivais de Cannes e Veneza, o Festival de Cinema de Londres atrai sua própria cota de glamour, com muitas celebridades divulgando seus filmes.

O evento deste ano inclui as estreias mundiais do filme sobre a Primeira Guerra Mundial do diretor Peter Jackson, “They Shall Not Grow Old”, e “Stan & Ollie”, sobre a dupla de comédia “O Gordo e o Magro”.

“The Favourite”, estrelando Olivia Colman, da série “The Crown”, e as vencedoras do Oscar Emma Stone e Rachel Weisz, também será exibido no festival, assim como o drama mais recente de Keira Knightley, “Colette”.

Organizadores disseram que os holofotes também serão colocados sobre cineastas mulheres.

“Este ano estamos muito orgulhosos do fato de 38 por cento dos filmes no festival serem de mulheres diretoras ou co-diretoras”, disse a diretora artística do festival, Tricia Tuttle.

“Tem sido muito importante para nós encontrar e promover cineastas mulheres”.

Reuters

 

Comentários

comentários

Veja também