Carlos Lima
Hoje dia 13/12/2017 às 16:56:50

Cinema
Carlos Lima | Publicado em 20/11/2017 às 17:36:42

‘Liga da Justiça’ decepciona e extraordinário surpreende na bilheteria americana

‘Liga da Justiça’ decepciona e extraordinário surpreende na bilheteria americana Filme da DC arrecadou menos que 'Batman vs Superman' no primeiro fim de semana Leia mais: https://oglobo.globo.com/cultura/filmes/liga-da-justica-decepciona-filme-com-sonia-braga-surpreende-na-bilheteria-americana-22088205#ixzz4z0QDCE22 stest

A considerar as críticas e a bilheteria de abertura nos EUA, “Liga da Justiça” não será o filme que vai salvar o universo DC no cinema. O longa-metragem que reúne Super-Homem, Batman, Mulher-Maravilha, Flash, Aquaman e Ciborgue arrecadou US$ 96 milhões no primeiro fim de semana de exibição na América do Norte. Um valor nada irrisório, porém 42% inferior ao do filme anterior da franquia, “Batman vs Superman: A origem da Justiça”, lançado em março de 2016.

Enquanto isso, a surpresa da semana ficou por conta de “Extraordinário”, drama sobre um menino que nasce com deformações no rosto. O filme, com Julia Roberts, Owen Wilson e Sônia Braga no elenco, arrecadou US# 27,1 milhões, o triplo do esperado.

As críticas de “Extraordinário” vem sendo muito positivas (85% no Rotten Tomatoes). Dirigido por Stephen Chbosky, o filme é adaptado de uma romance infanto-juvenil de R.J. Palacio e custou US$ 20 milhões. Sônia Braga aparece em uma cena de flashback, interpretando a avó de Julia Roberts, mas não contracena com a atriz americana. “Extraordinário” estreia dia 7 de dezembro no Brasil.

MUITO ATRÁS DOS VINGADORES

Analistas esperavam uma arrecadação em torno dos US$ 110 milhões para “Liga da Justiça” — valor ainda muito distante dos recordistas na categoria. O líder “Star Wars: O despertar da Força” arrecadou US$ 247 milhões no primeiro fim de semana. Para comparar com filmes da mesma área, “Os Vingadores” fez US$ 207 milhões; “Vingadores: Era de Ultron”, US$ 191 milhões; e “Capitão América: Guerra Civil”, US$ 179 milhões.

Os valores preocupam diante de um filme com orçamento de US$ 400 milhões e enormes expectativas em torno de uma franquia que não consegue decolar. A esperança agora reside nos mercados internacionais (os resultados foram bons no Brasil e Coreia do Sul, mas números finais chegam apenas na terça-feira) e no boca-aboca que novamente colocará críticos e público em campos opostos.

No agregador de críticas “Rotten Tomatoes”, o filme têm aprovação de apenas 40% dos críticos, mas chega a 85% do público. O site foi criticado por liberar a nota apenas em cima do lançamento, numa manobra que muitos acreditaram ser uma tentativa de esconder a avaliação negativa. A Warner Bros, estúdio por trás de “Liga da Justiça”, tem 25% do Rotten Tomatoes. O site nega envolvimento do estúdio na decisão e afirma que o atraso foi uma estratégia de marketing para lançar novo produto de comentários em vídeo.

No Metacritic, outro agregador de críticas, a discrepância se repete: Nota 46 entre os críticos e 72 entre o público. Em entrevista ao “New York Times”, o diretor de distribuição doméstica da Warner, Jeff Goldstein, apostou no feriado de Ação de Graças no fim de semana que vem para salvar a bilheteria do filme.

“O caminho para uma bilheteria lucrativa tem a ver com o feriado extremamente lucrativo de Ação de Graças”, disse ele.

 

O Globo

Comentários

comentários

Veja também