Carlos Lima
Hoje dia 09/04/2020 às 11:56:14

Cultura
Carlos Lima | Publicado em 13/03/2020 às 13:57:14

Coronavírus já afeta cena cultural brasileira

Coronavírus já afeta cena cultural brasileira Lollapalooza (Foto: divulgação)

Após a qualificação do coronavírus como pandemia pela Organização Mundial de Saúde (OMS), cancelamento de diversos eventos culturais no Brasil começaram a ocorrer. Um dos festivais mais tradicionais do País, o Festival de Teatro de Curitiba, que ocorreria de 24 de março a 5 de abril na capital paranaense, adiou o evento para setembro de 2020.

O Centro Cultural Fiesp, em São Paulo, também anunciou nesta quinta-feira que irão suspender todas as atividades a partir desta sexta-feira, 13. O Teatro Unimed na capital paulista, da mesma forma, suspendeu alguns de seus eventos, como a estreia prevista do espetáculo São Paulo.

Na área audiovisual, a Paramount Pictures e o canal HBO adiaram estreias que estavam para acontecer. E pela primeira vez em 31 anos, o Domingão do Faustão, da Globo, será gravado sem plateia.

Também a Agência Nacional de Cinema (Ancine) tomou medidas contra o vírus. Na terça-feira, recomendou que os servidores com sintomas de contágio trabalhem de casa.

No interior de São Paulo, em Itu, foi cancelada a exposição “Tarsila: estudos e anotações”, que iria abrir neste sábado, 14, no museu FAMA – Fábrica de Arte Marcos Amaro.

As bandas de rock Skank e Jota Quest, que participariam do EuroTour2020, nos dias 19 e 29 de março adiaram suas viagens à Europa, por onde eles passariam por diversas cidades pelo continente que estão afetadas pelo vírus.

No Brasil, há boatos que circulam que o Lollapalooza, um dos maiores eventos do País, pode ter mudanças em suas datas. O evento, que reuniu quase 250 mil pessoas no ano passado e seria realizado entre os dias 3 e 5 de abril, se for suspenso, seguirá o exemplo de seus correspondentes no Chile e na Argentina.

Informações são da Carta Capital.

Comentários

comentários

Veja também