Carlos Lima
Hoje dia 25/01/2020 às 07:41:10

Cultura
Carlos Lima | Publicado em 05/12/2019 às 10:14:33

Juiz diz que ataques de Roberto Alvim contra Fernanda Montenegro foi “manifestação de pensamento”

Juiz diz que ataques de Roberto Alvim contra Fernanda Montenegro foi “manifestação de pensamento” Roberto Alvim (Foto: DIVULGAÇÃO/SEC. ESPECIAL DA CULTURA)

O juiz Márcio Teixeira Laranjo, da 21º Vara Civil, negou o pedido de remoção do post e de indenização apresentado pelo Sindicato do Artistas do Estado de São Paulo por conta dos ataques do secretário da Cultura Roberto Alvim contra a classe teatral e a atriz Fernanda Montenegro. A informação é do joranl O Globo.

Em setembro, quando ainda chefiava o centro de artes cênicas da Fundação Nacional das Artes, Alvim chamou a atriz de 90 anos de “sórdida” e a classe de “podre”.

Em sua decisão, o juiz relativizou os ataque e afirmou que a remoção do post feriria a “livre manifestação do pensamento” de Alvim.

“A publicação critica aqueles que não compartilham de seu viés ideológico e crítica nada mais é que uma manifestação de pensamento, protegida constitucionalmente”, argumentou o magistrado, que negou a indenização, já que, segundo ele, não houve dano moral coletivo.

O ataque de Alvim contra Fernanda foi feito após a atriz posar para a revista literária “Quatro cinco um”. Fernanda Montenegro posou para a capa da publicação em que aparece como uma bruxa amarrada como se fosse condenada pela Inquisição (século 12 d.C.), uma analogia com a censura.

Brasil 247

Comentários

comentários

Veja também