Carlos Lima
Hoje dia 14/10/2019 às 20:49:18

Sergio Jones
Sérgio Jones | Publicado em 25/02/2019 às 09:10:55

Lázaro: uma vela para Deus e outra para o Diabo/ Por Sérgio Jones*

Lázaro: uma vela para Deus e outra para o Diabo/ Por Sérgio Jones* Lázaro e Rui Costa

A esperteza humana não acata normas nem padrões, e menos ainda limites. Há sempre aqueles que procuram atuarem à frente de sua realidade por se julgarem espertos, enquanto acreditam que os demais, meros mortais, são tolos.

Tal prática procura subestimar os seus semelhantes, sempre tendo como objetivo atingir interesses próprios.

Tal comportamento fica evidente com a posição adotada pelo recém ingresso na agremiação política do PR, para disputar as eleições de 2020, no Estado da Bahia.

Estamos nos referindo a postura adotada pelo ex-deputado Irmão Lázaro que acenou em um gesto de paz ao governador Rui Costa (PT), o qual tratou como adversário político em 2018.

Em seguida foi textual ao tecer o seguinte e patético comentário: “ Não tenho nada contra o governador”. Importante lembrar que o ex- parlamentar foi adversário dos candidatos ao senado de Rui.

“ Nesse momento saímos de uma campanha e digo não ter nenhum tipo de desavença política ou pessoal com o governador”. O pastor evangélico se filiou ao PR baiano que atualmente faz parte da base do petista.

E prosseguiu a entrevista, concedida a site baiano, fazendo a seguinte e hilária ressalva: “Me decreto na base de ACM Neto (DEM)”. A quem ele pensa que engana? Parece até que está fazendo pregação no púlpito para os seus obreiros.

Estes, vítimas de todo tipo de manipulação e engodos, regado a uma generosa dose de frases religiosas, aceitas entre os mais empedernidos fundamentalistas.

Na condição de pastor deveria saber ele, que na prática não existe um modelo de política limpa, ou totalmente saneada. E que, com sabiamente explicita a Bíblia, não se pode servir a dois senhores.

Portanto, tais afirmações não se aplicam e nem corresponde à realidade dos fatos. Ele continua acendendo uma vela para Deus e outra para o Diabo.

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

Comentários

comentários

Veja também