Carlos Lima
Hoje dia 20/08/2018 às 14:22:40

Religião
Carlos Lima | Publicado em 27/07/2018 às 10:27:15

Procissão encerra Festa de Santana

Festa de Santana não existe mais. Existe festejos à Nossa Senhora Santana

Procissão encerra Festa de Santana Prefeito Colbert e o Arcebispo Metropolitano

Católicos feirenses e de muitas outras paróquias, milhares deles, foram às ruas para participar da procissão em homenagem à Senhora Santana, padroeira de Feira de Santana, numa das maiores celebrações religiosas da Bahia.

Cerca de 50 imagens de santos, todas históricas, como São José, datada do século XVII, foram levadas em andores pelos fiéis. À frente, a imagem de São Benedito, do século XVIII. A Filarmônica 25 de Março participou do evento.

A procissão encerra os festejos à Santana, avó de Jesus Cristo. Católicos ocuparam os passeios de trecos das avenidas Presidente Dutra, Senhor dos Passos e Getúlio Vargas, mais a rua Conselheiro Franco, em busca da melhor posição para ver as imagens dos santos.

A Procissão é tradição, fé e cultura, afirmou o prefeito

O prefeito Colbert Filho, que estava acompanhado pela primeira-dama Adenilda Martins, e de secretários municipais, disse estar alegre por mais uma vez participar da Procissão, que acompanha há cerca de 60 anos.

“A Procissão de Santana é fé, tradição e cultura. A gente vê, ao longo do percurso, demonstração destes três elementos. É, também, um prova da religiosidade do povo de Feira de Santana, que a cada ano confirma a sua crença na nossa padroeira”, afirmou o prefeito.

O arcebispo de Feira de Santana, dom Zanoni Demetino Castro, disse que esta tradição católica foi construída sob a fé em Cristo. “Nos pertencemos à Igreja.

Abram seus corações para que seja construído um mundo de paz”. O ex-arcebispo de Feira, dom Itamar Vian, também esteve presente à festa religiosa.

Dona Laura de Oliveira Santos, 81 anos, disse que desde os sete anos participa da procissão. “Minha mãe me trazia e depois passei a trazer meus filhos, porque tenho muita fé em Senhora Santana”. Afirmou esperar que em 2019 esteja presente ao evento.

Todas as flores dos andores foram distribuídas entre as pessoas que participaram da procissão. A mais disputada, claro, foram as rosas que enfeitaram o andor da padroeira de Feira de Santana. Nesta quinta-feira, 26, também comemora-se o Dia da Avó.

Secom

Comentários

comentários

Veja também