Carlos Lima
Hoje dia 19/11/2017 às 12:26:04

Economia
Carlos Lima | Publicado em 04/11/2017 às 13:09:43

GOVERNO AUTORIZA PETROBRAS ELEVAR PREÇO DO GÁS DE COZINHA EM 4,5%

Forçando motivos para privatizar

GOVERNO AUTORIZA PETROBRAS ELEVAR PREÇO DO GÁS DE COZINHA EM 4,5% O crime de Temer contra a Petrobrás continua

A Petrobras elevará os preços do GLP residencial envasado em botijões de até 13 kg, o gás de cozinha, em 4,5%, em média, a partir das zero hora de domingo (5), informou a estatal nesta sexta-feira em comunicado.

Essa é uma exigência do governo Temer, o terreno está sendo preparado para se consolidar a entrega de nossas riquezas ao capital estrangeiro.

As desculpas são apresentadas da seguinte maneira:

“O reajuste foi causado principalmente pela alta das cotações do produto nos mercados internacionais, influenciada pela conjuntura externa e pela proximidade do inverno no Hemisfério Norte.

A variação do câmbio também contribuiu”, explicou a empresa, em nota.

Segundo a Petrobras, se o ajuste for integralmente repassado ao consumidor pelas distribuidoras, a alta será, em média, de 2% ou cerca de R$ 1,21 por botijão, “se forem mantidas as margens de distribuição e de revenda e as alíquotas de tributos”.

O último reajuste aconteceu no dia 10 de outubro, quando os preços foram reajustados em média em 12,9%.

Pela nova política de preços adotada pela Petrobras, o preço do Gás Liquefeito de Petróleo (GLP) passou a ser revisado todos os meses.

Cljornal com informações de Bahia Economia

 

Comentários

comentários

Veja também