Carlos Lima
Hoje dia 15/11/2019 às 20:08:47

Esportes
Carlos Lima | Publicado em 17/06/2019 às 09:55:51

Iago volta da seleção olímpica com venda encaminhada e não deve mais jogar pelo Inter

Iago volta da seleção olímpica com venda encaminhada e não deve mais jogar pelo Inter Foto: Fernando Torres/CBF

Quando o elenco do Inter retomar as atividades na próxima sexta-feira, deve ter pelo menos uma baixa no time titular. Após ser campeão do Torneio de Toulon com a seleção olímpica no último sábado, Iago tem saída encaminhada para o futebol alemão e não deve estar à disposição de Odair Hellmann no segundo semestre. A negociação é considerada praticamente fechada.

Conforme apurado pelo GloboEsporte.com, resta apenas a realização de exames médicos para fechar a venda do lateral para um clube alemão, ainda não revelado. A venda é considerada iminente e pode ser anunciada ainda nesta semana.

A negociação é conduzida sob sigilo pela diretoria do Inter e pelo estafe do jogador. Trata-se o assunto com cautela até que a venda seja oficializada. Mas Odair já foi avisado que não poderá mais contar com o lateral.

Antes de sair de férias, o técnico já tinha conhecimento da possibilidade de Iago ser negociado e de que não estaria à disposição para o segundo semestre. A tendência é de que o jogador seja a única venda do clube na intertemporada.

Um forte indício da proximidade da venda é a movimentação da direção em busca de uma reposição no mercado. Sidcley, comprado pelo Dinamo de Kiev por R$ 20 milhões junto ao Athletico, foi sondado, mas a intenção dos ucranianos de apenas negociá-lo em definitivo travou a investida.

Iago teve boa atuação no empate por 2 a 2 com o River Plate — Foto: Ricardo Duarte / SC Internacional

Iago teve boa atuação no empate por 2 a 2 com o River Plate — Foto: Ricardo Duarte / SC Internacional

Desde antes da parada, Iago era a grande possibilidade de negociação do Inter nesta janela de transferências. O jovem de 22 anos já havia recebido duas propostas do Porto, de Portugal, ambas recusadas pelo Colorado. Na ocasião, o vice de futebol Roberto Melo afirmou que os valores precisariam ser “irrecusáveis” para o Inter abrir mão do jogador.

– Chegaram propostas. Hoje, o futebol mundial contrata baseado em números. Ele tem números muito bons, e a parte final do jogo está evoluindo. Para sair hoje, tem que ser uma proposta que o clube entenda ser irrecusável para deixar de contar com ele – comentou Melo no fim de maio.

No atual elenco, o Inter conta com Uendel como reserva imediato para a lateral esquerda. Mas, se a tentativa por Sidcley não prosperar, há outra possibilidade: contratar um lateral-direito. Zeca se destacou pelo Santos pela esquerda e poderia ser deslocado para esse lado a partir da saída do atual titular. Bruno é a alternativa pela direita.

Iago foi titular em quatro dos cinco jogos da Seleção na França. Nesta temporada, atuou em 23 partidas com a camisa colorada e deu duas assistências. No entanto, é reconhecido pela comissão técnica como atleta mais intenso do elenco.

G1

Comentários

comentários

Veja também