Carlos Lima
Hoje dia 20/10/2017 às 17:51:23

Esportes
Carlos Lima | Publicado em 17/08/2017 às 11:09:18

Tite concorre ao prêmio da Fifa de melhor técnico da temporada

Tite concorre ao prêmio da Fifa de melhor técnico da temporada Técnico da Seleção é selecionado entre 12 finalistas e terá concorrentes como Ancelotti, Guardiola, Mourinho, Simeone e Zidane

Tite concorre com outros 11 nomes ao prêmio da Fifa de melhor técnico da temporada. O nome do treinador apareceu na lista de finalistas divulgadas pela entidade na manhã desta quinta-feira e ele vai concorrer com treinadores dos melhores times do mundo, exemplos:

Carlo Ancelotti (Bayern de Munique), Luis Enrique (ex-Barcelona), Guardiola (Manchester City), José Mourinho (Manchester United), Simeone (Atlético de Madrid) e Zidane (Real Madrid). Apenas Tite e Joachim Low, da Alemanha, comandam seleções. nico brasileiro entre os finalistas, Tite conta com a companhia de três italianos (Allegri, Ancelotti e Conte), dois espanhóis (Luis Enrique, Guardiola), dois portugueses (Mourinho e Jardim) e dois argentinos (Pochettino e Simeone). A França tem um representante (Zidane), assim como a Alemanha (Low).

Os escolhidos saíram de um painel definido pela Fifa com 11 ex-jogadores de várias partes do mundo, são eles: Cafú (Brasil), Donovan (EUA), Francescoli (Uruguai), Alex Frei (Suíça), Nakata (Japão), Maradona (Argentina), Okocha (Nigéria), Puyol (Espanha), Valderrama (Colômbia), Van der Sar (Netherlands) e Ivan Vicelich (Nova Zelândia).

Os vencedores das categorias de treinadores e jogadores do futebol feminino e masculino serão escolhidos agora em um processo que terá votos dos técnicos das seleções nacionais, capitães, jornalistas e fãs. A votação para o público começa na próxima segunda-feira através do site oficial da entidade. O pleito termina no dia 7 de setembro e, no mesmo mês, serão divulgadas as listas com os três finalistas de todas as categorias.

Com a nova medida política pela Fifa, a escolha leva em conta o trabalho realizado ao longo da última temporada europeia (e não mais em relação ao ano corrido). Ou seja, vai de 20 de novembro de 2016 a 2 de julho de 2017. Desde sua chegada ao comando da Seleção, que englobou esse período, Tite emplacou nove vitórias seguidas, garantiu o Brasil na Copa e recolocou a Seleção no primeiro posto do ranking da Fifa.

Gesportes

 

Comentários

comentários

Veja também