Carlos Lima
Hoje dia 26/09/2017 às 04:00:51

Estadual
Carlos Lima | Publicado em 14/06/2017 às 09:04:09

CAETANO: “PSDB DECIDIU SER PUXADINHO DE TEMER”

Vice-líder do PT Na Câmara dos Deputados, o baiano Luiz Caetano ironiza a decisão do PSDB de se manter na base de Michel Temer mesmo após a de núncia do empresário Joesley Batista, que gravou o peemedebista articulando a compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha, preso desde outubro de 2016 no âmbito da Operação Lava Jato.

Dos quatros ministros tucanos, dois são baianos: Antônio Imbassahy (Secretaria de Governo) e Luislinda Valois (Direitos Humanos). “O tucanato passou o dia todo, passou a noite toda reunido, e, no final, olhem a decisão: continua como puxadinho de Temer”, disse Caetano. O parlamentar acusou PSDB, PMDB e DEM de serem “os responsáveis pela crise instalada no país”.

“O PSDB vai continuar na mamata do poder, no abraço dos afogados, com o PMDB e o DEM. O DEM, o PMDB e o PSDB estão fazendo uma desgraça em nosso País”, afirmou o petista.

Caetano falou ainda sobre as acusações que existem contra Temer. Segundo ele, Michel Temer está ‘viciado em dar golpe’.

“Este governo Temer não tem jeito. Ele ficou viciado quando deu o golpe. Ele se acostumou a ser golpista, e, como ele gosta de poder, agora, dá golpe para todo lado. Primeiro, deu o golpe na Dilma. Segundo, deu o golpe no povo com essas reformas que estão destruindo a sociedade brasileira. Terceiro, está agora dando golpe na Justiça, monitorando Ministros do STF e do STJ, como já foi denunciado”, discursou.

Leonardo Attuch

Comentários

comentários

Veja também