Carlos Lima
Hoje dia 20/10/2017 às 17:56:10

Estadual
Carlos Lima | Publicado em 27/09/2017 às 10:46:34

GOVERNADOR RUI INAUGURA O CENTRO DE BIOIMAGEM DO HGE

GOVERNADOR RUI INAUGURA O CENTRO DE BIOIMAGEM DO HGE HGE ganha Centro de Bioimagem

A partir de ontem, terça-feira (26), fazer exames como tomografia computadorizada e ressonância magnética passa a ser realidade, no Hospital Geral do Estado (HGE), com o novo Centro de Biomagem, capaz de realizar 650 exames por mês. A inauguração foi realizada nesta manhã pelo governador Rui Costa, que conferiu o resultado de mais de R$ 13,2 milhões em recursos investidos na obra de reforma da unidade hospitalar e na instalação de dois equipamentos de Tomografia Computadorizada e um equipamento de Ressonância Magnética.

“Os investimentos para a saúde pública seguem fortes na Bahia”, segundo o governador. “Há exatamente um ano estávamos aqui inaugurando o prédio do HGE 2, e hoje damos mais um passo, avançando na tecnologia do hospital. Esses equipamentos não devem absolutamente nada a nenhum hospital particular do Brasil. As pessoas terão tratamento gratuito, com o que há de melhor em tecnologia”.

Ainda segundo Rui, este é o primeiro aparelho de ressonância magnética da história do Hospital Geral do Estado. “Precisamos ressaltar este feito. Além da ressonância, o centro vai funcionar com dois tomógrafos, atendendo também, através da regulação, pacientes de outras unidades da rede”.

Modernização

Além das novas instalações, os equipamentos que compõem o novo centro são modernos e conferem mais precisão e segurança para o diagnóstico dos pacientes. Com a máquina de ressonância magnética, por exemplo, é possível ter imagens de alta qualidade e com nitidez para a detecção de infecções, doenças degenerativas, controle do câncer, e muito mais.

Já o equipamento de tomografia computadorizada dá precisão na avaliação da emergência por trauma, fraturas, AVC, infecção abdominal ou pulmonar, além da realização de angiotomografia, para detecção de aneurismas, dissecções ou oclusão vascular.

“Esses equipamentos atenderão 100% da demanda do HGE, do Cican e de outras unidades da Rede, além de oferecer leitos para toda a central de regulação do estado da Bahia. Esperamos que pelo menos 50% dos exames de ressonância ofertados aqui sejam disponibilizados para a rede”, explicou o secretário estadual da Saúde (Sesab), Fábio Vilas-Boas.

Leonardo Attuch

Comentários

comentários

Veja também