Carlos Lima
Hoje dia 19/09/2019 às 14:29:48

Estadual
Carlos Lima | Publicado em 14/11/2015 às 12:10:09

Homem arranca o dedo da mulher com um facão por ciúmes

Homem arranca o dedo da mulher com um facão por ciúmes

A mulher que teve o dedo decepado pelo próprio marido, em Salvador, contou o terror que viveu durante os dez anos de casamento. De acordo com a vítima, ela era agredida constantemente pelo companheiro e até o filho do casal, de apenas cinco anos, já foi alvo de Jorge dos Santos Lima, 37 anos.

A vítima contou que, por ciúmes, o homem amarrou as suas pernas, braços, a amordaçou, colocou sua mão em um banco de madeira e com um facão e um martelo cortou seu dedo mindinho da mão direita. Após arrancar o pedaço do membro, Jorge guardou o dedo dentro de uma mochila.

— Ele disse que ia fazer um colar com o meu dedo e ia pendurar no pescoço pra todo mundo ver o que ele fez. Ele é um psicopata.

Após decepar o dedo da mulher, o marido a manteve em cárcere privado durante um mês.

— Ele não estava deixando eu sair nem para ir à padaria e, quando eu saía, ele vinha atrás me perseguindo. Quando saí de casa para levar meu filho na escola, decidi pedir ajuda.

Após procurar uma CIPM (Companhia Independente de Polícia Militar), o homem foi preso dentro de casa. Ele negou o crime e disse que um macaco hidráulico tinha caído em cima da mão da mulher e que ela estava mentindo porque queria se separar.

A mulher contou que há um ano saiu de casa e ficou três meses separada. Por causa disso, o marido a acusa de tê-lo traído, de estar com outro homem e a agride. Além disso, Jorge também já chegou a bater no filho do casal. A mulher disse que ele deu um tapa no rosto do menino que ficou três dias marcado.

A vítima disse que tem marcas por todo o corpo causado pelas agressões, que são cometidas na frente do filho. Chorando, a mulher conta que o menino pedia para ele chamar a polícia.

Do R7 com Record Bahia

Comentários

comentários

Veja também