Carlos Lima
Hoje dia 23/09/2018 às 02:28:06

Estadual
Carlos Lima | Publicado em 27/10/2016 às 13:29:25

Na França, Rui diz que Bahia quer ser referência no Brasil para produção de chocolate finos

Na França, Rui diz que Bahia quer ser referência no Brasil para produção de chocolate finos Rui Costa na Embaixada do Brasil em Paris

O governador Rui Costa chegou na quarta-feira (26) a Paris. Seu primeiro compromisso foi um almoço com empresários da cadeia do cacau e do chocolate do Brasil que estão na capital francesa para participar do 22º Salon du Chocolat, maior evento do mundial do setor.

Durante a reunião foram discutidas ações relacionadas ao desenvolvimento da cadeia.

Em seguida, o governador Rui Costa participou de um encontro com representantes dos trades turísticos baiano e francês, na Embaixada do Brasil na França.

No encontro com os empresários da cadeia do cacau e do chocolate, Rui reforçou que é preciso agregar mais valor ao produto feito tanto por grandes cacauicultores como por agricultores familiares.

Na Embaixada brasileira, que vem dando suporte às ações do Governo da Bahia na França, o enfoque foi a divulgação do Destino Bahia, com destaque para a Costa do Cacau.

Durante o evento, o governador concedeu uma entrevista à Rádio França Internacional (RFI). Os temas abordados foram os setores cacau e turismo, principais destaques da viagem de Rui.

Ele ressaltou que na Bahia, turismo e chocolate formam um casamento perfeito.

“Falar de cacau na Bahia é falar da história, do processo de desenvolvimento e urbanização da região sul do nosso estado.

Estamos aqui para apoiar esse produto tão importante para a economia baiana que já sustentou o estado e hoje se recupera.

Nossa meta é verticalizar a cadeia produtiva do cacau, com produção de chocolate fino”, disse à emissora francesa.

Antes do encontro de Rui com o trade, o Governo do Estado promoveu, na Embaixada, uma capacitação para cerca de 40 operadoras francesas sobre as atrações do turismo na Bahia, em especial da Costa do Cacau.

O objetivo é atrair um público cada vez maior de franceses que já formam um dos principais grupos turistas a visitar todos os anos o estado.

Edmundo Filho

Comentários

comentários

Veja também