Carlos Lima
Hoje dia 21/11/2017 às 22:54:38

Feira
Carlos Lima | Publicado em 20/10/2017 às 16:50:28

Crescem os casos de HIV em Feira de Santana

Crescem os casos de HIV em Feira de Santana Casos de HIV crescem 26 por cento em 2017 em relação ao mesmo período do ano passado

Até setembro, em Feira de Santana, o número de pessoas que descobriu estar com o vírus HIV no organismo cresceu 26% em relação ao ano passado, quando os mesmos períodos são comparados: respectivamente, 207 e 261.

Em todo o ano passado, foram registrados 280 novos casos – faltando três meses para o final do ano, a diferença é pouco maior que 10%. Em 2017 a média mensal de novos diagnósticos no município chegou a 29, sendo que 70% são pessoas do sexo masculino, maioria entre 20 e 30 anos.

As autoridades do setor dizem que o aumento nos números de casos de HIV – que se não devidamente tratado leva à aids, que é letal, está relacionado a não prevenção durante a relação sexual: os jovens – maioria entre os infectados – não estão usando preservativo.

O tratamento é totalmente gratuito e pode ser iniciado imediatamente após o diagnóstico, assim a pessoa deseje. O coquetel de medicamentos oferecem qualidade de vida aos pacientes, que estão vivendo mais e melhor.

O Serviço de Assistência Especializado do Centro de Referência Municipal DST/HIV/aids encaminham estas pessoas para serem atendidas por uma equipe formada por infectologista, enfermeiro, assistente social, odontologia, entre outros profissionais.

No Centro de Testagem e Aconselhamento são realizados exames onde estas pessoas conhecem seus status sorológicos. No dia 1º de dezembro é comemorado o Dia Mundial de Luta Contra a Aids.

Secom

Comentários

comentários

Veja também