Carlos Lima
Hoje dia 21/04/2018 às 17:08:48

Feira
Carlos Lima | Publicado em 26/12/2017 às 14:48:43

Crianças recolhidas da rua são encaminhados para o Abrigo, por determinação judicial

Crianças recolhidas da rua são encaminhados para o Abrigo, por determinação judicial A medida protetiva foi determinada pela Justiça e cumprida pela Sedeso e o Conselho Tutelar III, com apoio da Guarda Municipal e da 64ª Companhia Independente da Polícia Militar- foto Sara Silva

Flagrados em situação de vulnerabilidade social nas vias públicas da cidade, através das câmeras de vídeo-monitoramento da Secretaria Municipal de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos (Seprev), três crianças, das quais uma de apenas um mês, foram recolhidas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedeso) e encaminhadas para o Abrigo Raul Freire.

A medida protetiva foi determinada pela Justiça e cumprida pela Sedeso e o Conselho Tutelar III, com apoio da Guarda Municipal e da 64ª Companhia Independente da Polícia Militar. Os menores, um garoto de 14 anos e uma menina de 10 anos, conforme os agentes de defesa de crianças e adolescentes, estavam sendo aliciados e usando crack.

A operação para resgatar os menores das vias públicas foi realizada nesta sexta-feira, 22. Todos estavam na Praça de Alimentação Gilson Pereira, ao lado das rampas de skate, deitados pela calçada. A mãe, bastante nervosa e com o bebê de apenas um mês nos braços, tentou reagir enquanto os dois menores também tentaram fugir.

Os conselheiros tutelares informaram que a situação foi confirmada através das investigações. Inclusive o Governo Municipal constatou que a mãe dos menores, que também estava em via pública, possui casa. “Ela, juntamente com os menores, já receberam todo o apoio do Governo Municipal, através da Sedeso, para deixar as vias públicas, mas se recusam a abandonar a vida nas ruas, mesmo correndo riscos”, ressaltaram as conselheiras tutelares.

Secom

Comentários

comentários

Veja também