Carlos Lima
Hoje dia 06/04/2020 às 14:47:44

Feira
Carlos Lima | Publicado em 26/03/2020 às 15:56:37

Moradores de Rua: Colbert descobriu a luz/Carlos Lima

Moradores de Rua: Colbert descobriu a luz/Carlos Lima

Desde o anúncio da criação de um abrigo temporária para os moradores de rua pelo prefeito Colbert Martins, estou imaginando como o espírito oportunista do homem pode ser tão apurado  quando se trata de aproveitar a infelicidade do ser humano para tirar proveito pessoal.

Só agora com a pandemia do Coronavírus, o alcaide descobriu que os moradores de rua estão desassistidos e precisam de um abrigo.

O equipamento reformado está localizado na Praça do Tropeiro, anteriormente denominado Centro Pop Rua.

Durante o ato inaugural o prefeito afirmou que “é fundamental que as pessoas que vivem em situação de rua sejam acolhidas, de forma que possamos evitar que elas venham a ser contaminadas e a consequente proliferação do vírus”.

Porque só com achegada do vírus os moradores de rua foram lembrados, a desgraça de suas vidas é diferente do coronavírus?

Suas vidas são ameaçadas diariamente.

Mas nesse caso não ameaçam as vidas de outrem.

Antes viviam espalhados pelas ruas da cidade, morando embaixo de viadutos e marquises.

A situação de miserabilidade era desconhecida?

Onde se escondia o sentimento humanitário que aflorou tão rapidamente?

Eureca, parece que Colbert descobriu a luz!

Nesse momento de pandemia os moradores de rua terão alojamento temporário, ou seja, vão morar num ambiente com alimentação, cama, banho, cobertor, três refeições diárias e uma falsa solidariedade.

Passado o perigo do coronavírus serão expulsos. Voltam a morar nas ruas.

Tudo volta a normalidade e o prefeito acreditando ter melhorado  sua imagem e reduzido a rejeição política, fica mais confiante em se reeleger.

Quanto aos moradores de rua, como diz ‘Denivaldo’ que se lasque.

Por outro lado onde se encontra a transparência dos recursos aplicados nessas ações que combatem a disseminação do coronavírus?

Tudo é simplesmente uma questão de oportunidade.

Carlos Lima

Comentários

comentários

Veja também