Carlos Lima
Hoje dia 21/08/2017 às 15:55:41

Feira
Carlos Lima | Publicado em 29/04/2017 às 09:26:57

O Poder Legislativo feirense está omisso na gravidade e repercussão do caso Ronny

As denúncias repercutem nacionalmente nas redes sociais

O Poder Legislativo feirense está omisso na gravidade e repercussão do caso Ronny Vereador Ronny - presidente do legislativo feirense

A Câmara Municipal de Feira Santana está sendo omissa diante das denúncias que vêm sendo veiculado na imprensa e nas redes sociais sobre o incidente que teria provocado um enfarto no presidente da Casa, vereador Reinaldo Miranda – Ronny.

Ser chamado de omisso corresponde a dizer que a pessoa ou a instituição deveria ter cumprido com alguma obrigação e não o fez. Também é aquilo que foi ocultado, não foi exposto e portanto omitido.

Normalmente associado ao comportamento mentiroso: “ele não foi mentiroso, foi omisso”, ou seja, o legislativo feirense está lavando as mãos como fez Pôncio Pilatos.

Nas redes sociais a informação – que precisa de esclarecimento oficial – diz que o presidente do Legislativo feirense estava em um motel na companhia de profissionais do sexo e com o consumo de drogas e álcool sofreu o enfarto, sendo conduzido pelo Samu ao hospital EMEC.

Nenhum comunicado oficial foi realizado sobre a situação de saúde do vereador, como também nenhum comentário, até mesmo e solidariedade ocorreu na tribuna da casa pelos edis sobre o estado de saúde do seu presidente.

O procedimento demonstrava desconhecimento total da situação ou desinteresse proposital. O ambiente – em plenário –  entre os edis era de total desconhecimento da situação, deixa transparecer que ninguém conhecia Reinaldo Miranda – Ronny o presidente da Câmara.

Esta omissão é como se tivessem suprimido o nome de Ronny dos anais da Casa.

Mesmo porque não é a primeira vez  que fatos semelhantes acontecem.

Entretanto não se justifica tal comportamento. Segundo comentários nos bastidores, quando Ronny foi reeleito presidentes da Casa todos já sabiam.

Mas, fica uma dúvida: De acordo com o Direito Brasileiro, é uma situação que não está prevista na lei. E a lei omissa é aquela que tem lacunas e dá espaço a interpretações confusas e/ou oportunistas.

cljonalr

Comentários

comentários

Veja também