Carlos Lima
Hoje dia 17/11/2018 às 06:47:11

Feira
Carlos Lima | Publicado em 29/06/2018 às 12:01:06

OAB-BA cobra agilidade com as investigações da morte de advogada

OAB-BA cobra agilidade com as investigações da morte de advogada

A Ordem dos Advogados do Brasil – Seção Bahia (OAB-BA), em reunião com a Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-A), cobrou agilidade e aprofundamento na investigação da morte da advogada Sílvia da Silva Carvalho, na terça-feira (26), em Feira de Santana. A reunião aconteceu com a presença do presidente da OAB-BA, Luiz Viana, com a vice-presidente Ana Patrícia Dantas, secretário Carlos Medauar, e com o delegado Flávio Góis, diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin).

Luiz Viana deixou claro que qualquer crime, sobretudo aqueles contra a vida, deve ser tratado como prioritário pela polícia, mas que a OAB tem por obrigação se mobilizar em defesa daqueles que compõem a instituição. “Nós, como órgão de classe, viemos aqui para dizer que confiamos na apuração da polícia e esperamos que o trabalho da corporação seja profundo, rápido e realizado na melhor forma possível”, frisou Luiz Viana.

Camila Trabuco, conselheira seccional que representa a cidade de Feira de Santana, ressaltou que os advogados e advogadas da cidade estão consternados com o ocorrido e que a situação da segurança pública da região é preocupante. “Feira já vive uma realidade de violência. Recentemente tivemos em um único final de semana 18 assassinatos, então nós pedimos que todos os esforços sejam feitos para que este crime não fique impune.

Não queremos que a nossa colega seja apenas mais uma nessa lista. Precisamos de respostas e do apoio do Estado para que este caso seja solucionado”, afirmou.

O delegado lamentou a morte da advogada e disse que a SSP tem “a obrigação profissional, mas também social, de dar satisfação”. “Assim como foi com uma advogada, poderia ter sido com um delegado, um juiz, um promotor. É lamentável a morte da colega, mas daremos resposta”, conclui.

Bahia Notícia

Comentários

comentários

Veja também