Carlos Lima
Hoje dia 27/05/2018 às 03:26:08

Feira
Carlos Lima | Publicado em 17/04/2018 às 17:21:43

Secretário esclarece sobre ausência do Quilombola na Micareta

Secretário esclarece sobre ausência do Quilombola na Micareta Desfile das entidades na avenida

O secretário municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Edson Borges, posicionou-se nesta terça-feira (17) a respeito de um manifesto em meios de comunicação, por parte do Pomba de Malê, em que este tradicional afoxé lamenta não participar, este ano, da Micareta de Feira de Santana, em razão da ausência do circuito Quilombola.

“Compreendo a indignação do Pomba de Malê, mas, muito respeitosamente, peço à direção da entidade que me permita fazer estes esclarecimentos:

1. Não foi o Governo Municipal o criador da situação que inviabilizou o desfile no Circuito Quilombola este ano.

A decisão do governo, que envolve a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer, Controladoria Geral do Município e a Procuradoria Geral do Município, é fruto de imposições legais a gestores públicos, tendo em vista as questões envolvendo a prestação de contas da Micareta 2017;

2. A única alternativa que nos restava para oferecer às entidades, do desfile no Circuito Maneca Ferreira, no sábado e domingo, não foi imposta.

Mas sim discutida com um grupo de entidades com as quais nos reunimos e fizemos ver que estávamos vivendo uma situação extraordinária;

3. Na mesma reunião, inclusive, propus que, logo após a Micareta 2018, façamos um encontro com todas as entidades, visando discutir o Circuito Quilombola e a possibilidade de colocarmos em prática em Feira de Santana um projeto semelhante ao Ouro Negro, buscando principalmente não prejudicar todos pelo erro de um ou dois;

4. Muitas entidades de Feira de Santana não foram beneficiadas pelo Ouro Negro este ano, mas isto não significa um desprezo pela rica cultura que elas trazem para a avenida.

Os gestores do Ouro Negro também são obrigados a cumprir imposições legais. Reitero aqui o meu respeito por todos, o que já pude demonstrar no diálogo que estamos mantendo desde o primeiro dia que assumi a Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer”.

Secretário Edson Borges.

Conforme nota divulgada pelo Pomba de Malê, o secretário não abordou o principal motivo pela qual a entidade decidiu não participar da Micareta.

A decisão de colocar o desfile das Escolas de Samba, Blocos Afros e Afoxés das 8 horas às 12 horas é um total desrespeito para com os movimentos culturais e as comunidades que fazem parte de suas agremiações.

Seria um desfile de disputa de espaço com o pessoal da limpeza e o reabastecimento de bebidas e outras mercadorias.

Nesse horário a cidade e o quartel general da folia, circuito Maneca Ferreira está sendo preparado para receber os foliões a partir das 14 horas, quando chegam lentamente para iniciarem o aquecimento.

Até o momento as entidades não encontraram justificativa para a mudança tão brusca e humilhante.

cljornal

 

 

Comentários

comentários

Veja também