Carlos Lima
Hoje dia 20/09/2018 às 12:39:13

Feira
Carlos Lima | Publicado em 10/11/2016 às 11:25:41

VEREADORES APROVAM EM PRIMEIRA DISCUSSÃO ACABAR COM A REELEIÇÃO DA MESA DIRETIVA

Não deve entrar em vigor para as as eleições do próximo período Legislativo. em Feira de Santana

VEREADORES APROVAM EM PRIMEIRA DISCUSSÃO ACABAR COM A REELEIÇÃO DA MESA DIRETIVA PRESIDENTE RONNY TERÁ DIREITO A REELEIÇÃO

Proposta que veda reeleição da Mesa Diretiva foi aprovada em primeira discussão, por unanimidade.

A emenda à Lei Orgânica do Município de nº 104/16, que altera a pare final do artigo 50, passará a ter a seguinte redação:

“Art. 50. No primeiro ano de cada legislatura, a Câmara Municipal, composta pelos membros eleitos na última eleição, reunir-se-á no dia 1º de janeiro, às 15 horas, para dar posse aos vereadores, prefeito e vice-prefeito e eleger sua Mesa Diretora para o mandato de dois anos, vedada a reeleição para o mesmo cargo”.

A votação aconteceu na manhã de terça-feira (08), na oportunidade o líder do Governo na Casa, vereador José Carneiro (PSDB) ressaltou que a emenda é de autoria de todos os edis.

“Essa emenda não tem pai. Ela é de autoria de todos os vereadores que a assinaram, inclusive o vereador e presidente Ronny. Estou fazendo esse esclarecimento para não haver comentários”, justificou.

A emenda aprovada ainda este ano, não entrará em vigor para a próxima Legislatura. O vereador Ronny, atual presidente da Casa, acredito que não abriu mão de sua reeleição. Ele como qualquer outro, tendo uma eleição garantida, como ira sacrificar sua permanência no poder.

O projeto político de Ronny e seu grupo não pode descartar a sua reeleição para presidente do Legislativo  no período de 2017/2018.

A verdade é que Ronny tem uma candidatura a deputado estadual para ser conversada com outros candidatos em troca de apoio à sua candidatura a prefeito de Feira de Santana. Não tenham qualquer dúvida, que esse é o projeto dele e do seu grupo, que tem como “Guru” o ex-deputado Estadual, o empresário, o radialista, jornalista e  Humberto Cedraz.

CLJORNAL

Comentários

comentários

Veja também