Carlos Lima
Hoje dia 14/11/2018 às 00:49:51

Geral
Carlos Lima | Publicado em 28/08/2018 às 16:55:54

Em cerimônia, Temer elogia Marcela e dançarinas ‘declaram’ amor pelo governo

Não é brincadeira, é verdade

Em cerimônia, Temer elogia Marcela e dançarinas ‘declaram’ amor pelo governo Marcela Temer e Temer

Uma cerimônia no Planalto realizada nesta 3ª feira (28.ago.2018) teve elogios de Michel Temer à primeira-dama, Marcela Temer, e uma “declaração de amor” de dançarinas a integrantes do governo.

O evento era para comemorar o Dia Nacional do Voluntariado, entregar medalhas a voluntários e lançar uma plataforma digital para esse tipo de serviço.

Presente no ato, Marcela Temer foi elogiada por Temer pelo trabalho com crianças de escolas da periferia.

“A Marcela quase semanalmente tem levado crianças das escolas mais afastadas, da periferia, para o Alvorada e passa maior parte do dia com elas, com sessões de cinema, coisas culturais. Esses momentos são os mais compensadores porque vejo que ela fica tomada de alegria extraordinária”, disse Michel Temer.

Marcela não discursou, mas ajudou o presidente a distribuir os prêmios. Ela já havia comparecido à comemoração na edição de 2017, apesar da pouca frequência em eventos no Planalto.

Em clima ameno, a cerimônia também teve uma apresentação de dança coreana.

Ao fim, as dançarinas voltaram-se para Temer, Marcela, os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Rossieli Soares (Educação) e o representante do Pnud no Brasil, Niky Fabiancic. Elas repetiram 3 vezes: “Nós amamos vocês”.

Apesar da “declaração de amor”, o governo Temer tem registrado recordes de impopularidade.

Sem tentar a reeleição e a 4 meses do fim de sua gestão, o emedebista tem dado discursos “mornos” nas cerimônias no Planalto, com foco na defesa de medidas de seu governo.

No discurso desta terça, Michel Temer afirmou que o voluntariado é uma “obra espiritual“.

“Muitas vezes, inauguramos obras, até suntuosas. Mas uma obra espiritual como essa, que traz a alma humana para si, que traz a ideia que as pessoas vão colaborar e às vezes não aparecem, mas aparecem para a própria pessoa”, falou o presidente.

NAOMI MATSUI

Comentários

comentários

Veja também