Carlos Lima
Hoje dia 18/06/2019 às 12:35:54

Internacional
Carlos Lima | Publicado em 11/05/2019 às 11:08:07

Morre o Ex-ministro da Itália Gianni De Michelis aos 78 anos

Morre o Ex-ministro da Itália Gianni De Michelis aos 78 anos Ex-ministro da Itália Gianni De Michelis morre aos 78 anos ... -

O ex-ministro das Relações Exteriores da Itália Gianni De Michelis (1989 – 1992), expoente do Partido Socialista italiano (PSI), morreu neste sábado (11), aos 78 anos, após ficar uma semana internado em um hospital de Veneza. A informação foi revelada por familiares do político. A causa da morte não foi divulgada. Segundo o ex-prefeito de Veneza Nereo Laroni, De Michelis não conseguia mais se alimentar e por isso foi hospitalizado. “Eu fui vê-lo em casa pela última vez há duas semanas e infelizmente ele não estava mais consciente”, lamentou.

De Michelis foi um expoente histórico do Partido Socialista e ministro do Trabalho nos dois mandatos do ex-primeiro-ministro da Itália Bettino Craxi, entre 1983 e 1987. Um ano depois, ele assumiu como vice-premier e a partir de 1989 atuou como ministro das Relações Exteriores nos dois últimos governos liderados por Giulio Andreotti. A carreira política do ex-ministro foi interrompida em 1992, quando o partido do qual ele era membro foi varrido pelas investigações sobre corrupção.

“Gianni foi um grande homem de governo e um companheiro leal de meu pai, nos bons e maus momentos, a quem nunca faltou sua proximidade nos anos do exílio na Tunísia”, escreve Stefania Craxi, senadora da Forza Itália (FI).

No entanto, sua fama também se deu por ser amante da vida noturna e boates, tema de seu guia ilustrado, e por responder a 35 processos judiciais diferentes. Ele foi ofuscado pelos escândalos de Tangentopoli. A palavra é usada pelos italianos para se referir aos esquemas de pagamento de propinas em obras públicas, muitas vezes ligados à máfia, e que ainda são revelados pela Justiça italiana nos dias atuais.

ANSA

Comentários

comentários

Veja também