Carlos Lima
Hoje dia 09/04/2020 às 09:44:02

Internacional
Carlos Lima | Publicado em 06/03/2020 às 11:12:16

Navio da Marinha equatoriana entra em quarentena por causa de coronavírus

Navio da Marinha equatoriana entra em quarentena por causa de coronavírus © AP Photo / Arnulfo Franco

Um navio da Marinha do Equador com 50 tripulantes a bordo foi colocado em quarentena após contato entre um dos marinheiros e parentes de paciente contaminada com coronavírus, segundo mídia.

A notícia foi dada pelo jornal El Comercio, citando o departamento militar e o Ministério da Saúde equatorianos.

O navio está atracado em uma base naval perto da cidade portuária de Guayaquil, no Equador, e tem estado em quarentena desde do dia 2 de março.

A decisão da quarentena foi tomada depois de se saber que um dos membros da tripulação do navio tinha estado em contato com parentes de uma mulher de 71 anos, que foi a primeira pessoa a ser identificada com coronavírus no país. O caso diz respeito a uma cidadã equatoriana que chegou da Espanha no dia 14 de fevereiro.

Espera por resultados

De acordo com Inocente Bajaña, subsecretário de Vigilância Sanitária do Equador, o tripulante do navio foi testado para coronavírus.

“Até agora, o resultado tem sido negativo”, disse Bajaña, dizendo esperar que a quarentena do navio seja suspensa já na sexta-feira (6).

O Ministério da Saúde do Equador relatou três novos casos de infecção pelo coronavírus no país, totalizando 13 pessoas.

Ministério da Saúde do Equador verifica temperatura de pessoas em meio ao novo surto de coronavírus, em Tulcano, Equador, em 1º de março de 2020

© REUTERS / DANIEL TAPIA. Ministério da Saúde do Equador verifica temperatura de pessoas em meio ao novo surto de coronavírus, em Tulcano, Equador, em 1º de março de 2020

Segundo os últimos dados, o número total de pessoas infectadas por COVID-19 no mundo inteiro até o momento atinge 98.704, com 3.383 mortes registradas. China, Coreia do Sul, Itália e Irã são os países mais afetados.

Sputnik

Comentários

comentários

Veja também