Carlos Lima
Hoje dia 22/08/2018 às 01:13:12

Nacional
Carlos Lima | Publicado em 20/07/2018 às 10:12:38

ALCKMIN, CANDIDATO DO GOLPE, TERÁ 40% DO TEMPO DE TV

ALCKMIN, CANDIDATO DO GOLPE, TERÁ 40% DO TEMPO DE TV Retrocesso político

O pré-candidato à presidência pelo PSDB Geraldo Alckmin conseguiu o apoio em massa do centrão, o núcleo duro do golpe.

Com o apoio desses partidos (PP, DEM, PRB, PR, PTB), Alckmin, que tinha 1 minuto e 18 segundos na propaganda eleitoral na TV (em cada bloco de 12 minutos e 30 segundos), somará 4 minutos e meio, quase 40% do tempo total.

O PT, que ainda não fechou aliança, tem 1 minuto e 34 segundos.

“Logo após se reunirem na residência oficial da presidência da Câmara, representantes do bloco viajaram a São Paulo para encontrar Alckmin.

Participaram do encontro ACM Neto, Rodrigo Maia (ambos do DEM), Marcos Pereira (PRB), Paulinho (SD), Agnaldo Ribeiro (PP) e Luis Tibé (Avante). O PR não mandou representante, mas avalizou o acordo.

Outro compromisso do tucano foi apoiar a candidatura de Eduardo Paes (DEM) ao governo do Rio de Janeiro.

Alckmin deve acatar a indicação do empresário Josué Alencar (PR-MG) para ser seu candidato a vice e já sinalizou positivamente ao apoio para a reeleição de Maia à presidência da Câmara.

Nos estados, Minas Gerais é o principal foco de atenção, já que PSDB e DEM têm pré-candidatos.

Oficializada, a aliança muda a correlação de forças da eleição, dando a Alckmin capilaridade e o maior tempo de TV. Apesar de alguns tucanos já comemorarem após as conversas ao longo do dia, Alckmin, oficialmente, se mantém cauteloso e disse, por meio de sua assessoria, que nada foi definido. A convenção do PSDB será em 4 de agosto.”

Comentários

comentários

Veja também