Carlos Lima
Hoje dia 20/07/2017 às 22:51:27

Nacional
Carlos Lima | Publicado em 08/07/2017 às 12:57:19

Antes do encerramento do G20, Temer volta ao Brasil e diz estar ‘tranquilíssimo’

Antes do encerramento do G20, Temer volta ao Brasil e diz estar ‘tranquilíssimo’ Temer cumprimenta presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante encontro no G20 (Foto: Reprodução/Twitter)

O presidente da República, Michel Temer, afirmou neste sábado (8) que volta ao Brasil “tranquilíssimo” depois de participar de reunião da cúpula do G20, grupo que reúne as 20 principais economias do mundo, em Hamburgo, na Alemanha.

Temer decidiu voltar ao Brasil antes do encerramento oficial do evento. Ele embarcou para o Brasil na manhã deste sábado.

A declaração do peemedebista acontece em meio ao pior momento de Temer na Presidência da República. Na próxima segunda-feira (10), o deputado Sérgio Zveiter (PMDB-RJ), deve apresentar à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara seu relatório sobre denúncia contra o presidente.

Na semana passada, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, denunciou o presidente ao Supremo Tribunal Federal. Janot acusa o presidente de ter praticado corrupção passiva com base nas delações dos donos e executivos da holding J&F, controladora do grupo JBS.

Cabe à Câmara dos Deputados autorizar o Supremo Tribunal Federal (STF) a abrir processo criminal contra o presidente. Se isso acontecer, Temer será afastado do governo.

Questionado por jornalistas sobre se voltava ao Brasil tranquilo, Temer respondeu: “tranquilíssimo”. Ele afirmou ainda que vai “continuar trabalhando” para fazer com que “todos fiquem em paz”.

“Continuar trabalhando pelo país, fazendo a economia crescer, como está crescendo, sem nenhum problema. E fazendo com que todos fiquem em paz”, declarou o presidente.

A previsão é de que Temer desembarque em Brasília por volta das 18h15 deste sábado. Na capital federal, o peemedebista terá de retomar os esforços para barrar o avanço da denúncia na Câmara.

Nesta semana, cresceu o movimento dentro do PSDB, um dos principais partidos da base de Temer, de desembarque do governo. O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) disse que a legenda paga um preço “altíssimo” ao manter apoio ao governo “mais impopular da história”.

Foto e gafe

Mais cedo neste sábado, Temer publicou em seu perfil no Twitter uma foto com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Segundo Temer, o norte-americano “elogiou o desempenho da economia brasileira”.

Nesta sexta-feira (7), Temer cometeu uma gafe em um vídeo divulgado também no Twitter. Na filmagem, o presidente da República afirma que o governo tem feito “voltar o desemprego”.

“Eu pude fazer um relato do que estamos fazendo no Brasil, gerando, exatamente, inflação baixa, reduzindo os juros, fazendo voltar o desemprego e combatendo a recessão”, diz o presidente no vídeo em que resume o que fez durante a sexta-feira na Alemanha.

G1

Comentários

comentários

Veja também