Carlos Lima
Hoje dia 16/10/2018 às 20:49:58

Política
Carlos Lima | Publicado em 29/07/2018 às 10:03:08

Artistas se unem a mais de 60 mil pessoas para clamar liberdade de Lula

Artistas se unem a mais de 60 mil pessoas para clamar liberdade de Lula

A luta pela libertação de Lula, que vem sendo mantido como preso político para não voltar ao poder, e pela restauração da democracia no Brasil, golpeada pela aliança formada entre PSDB, MDB, mídia corporativa, petroleiras e setores do Judiciário, teve um dia histórico ontem, quando mais de 60 mil pessoas se reuniram nos Arcos da Lapa para clamar por liberdade. Entre eles, os maiores nomes da cultura nacional, como Chico Buarque e Gilberto Gil.

A luta por democracia no Brasil se converte numa guerra entre a luz da liberdade e as trevas do fascismo. Emocionado, Lula mandou carta aos artistas. Confira a carta e também trechos do festival Lula Livre:

Queridos artistas, estudantes, trabalhadores, meus queridos amigos reunidos nesse sábado. Eu só posso agradecer a solidariedade de vocês.

Quantas vezes, quando a sociedade calou diante de barbaridades, foram os nossos músicos, escritores, cineastas, atores, dramaturgos, dançarinos, artistas plásticos, cantores e poetas que vieram lembrar que amanhã há de ser outro dia?

Que ousaram acreditar em esperanças equilibristas e em flores vencendo canhões. Que se rebelaram contra o “Cale-se!” imposto pela censura, gritando que era proibido proibir.

Que disseram que o povo da favela só quer ser feliz e andar com tranquilidade e consciência. Que denunciaram o sofrimento de quem sai do nordeste expulso não pela seca, mas pela miséria e ganância dos coronéis.

Ou que era expulso de sua casa e vê ela ser demolida para passar “o progresso” que não inclui o trabalhador, como cantou Adoniran. Os que sempre estiveram onde o povo está, e que agora, nesta que é mais uma página infeliz da nossa história, se juntam novamente ao povo brasileiro para soltar a voz em nome da liberdade.

Onde querem silêncio, seguiremos cantando.

Vocês não sabem quantas vezes a música, os livros, a arte, tem me ajudado a atravessar essa provação, que não é maior que a de tantos pais e mães de família brasileiros que hoje não sabem como irão trazer comida para casa. É em nome deles que não podemos desanimar jamais

Porque a gente ainda vai festejar, e muito. A alegria, a liberdade e a justiça de um povo que não tem medo e que não se entrega não.

Muito obrigado pelo carinho de vocês.

Luiz Inácio Lula da Silva

Leonardo Attuch

Comentários

comentários

Veja também