Carlos Lima
Hoje dia 14/11/2018 às 07:08:15

Prefeitura
Carlos Lima | Publicado em 03/07/2018 às 12:47:40

Aberto o binário nas ruas Santo Antônio e Frei Aureliano

Aberto o binário nas ruas Santo Antônio e Frei Aureliano

Está aberto o binário nas ruas Santo Antônio e Frei Aureliano de Grotamares, transformando as vias paralelas em mão única – uma para cada sentido. A medida foi adotada pela Prefeitura, através da Superintendência Municipal de Trânsito, para desafogar as principais avenidas, e favorece a interligação do centro à região sul da cidade.

O binário cruza ruas de alguns bairros – entre o Ponto Central e o Jardim Acácia. A avenida Santo Antônio passou a funcionar em sentido único a partir do Ponto Central. Trajeto que corta a avenida Presidente Dutra, segue na rua DR. João Mangabeira até desembocar na Senador Quintino, passando pelos cruzamentos das avenidas João Durval Carneiro e Maria Quitéria. Já a rua Frei Aurelino é sentido inverso: bairros – Centro.

Com a intervenção é esperado que o trânsito flua mais rápido, sem riscos de acidentes e congestionamentos, que eram frequentes, sobretudo, em horários de pico. “São aproximadamente 8 quilômetros de via contempladas pelo binário”, afirma o superintendente de Trânsito, Maurício Carvalho.

 

Foram fechados cinco retornos, sendo dois na Getúlio Vargas (em frente a Drogasil e a Kairós Delicatessen) e três na avenida Maria Quitéria –  a altura da Cabana do João. Ainda conforme o superintende de Trânsito foram instaladas 117 placas de sinalização vertical e mais 2.395 metros quadrados de sinalização horizontal. Três novos semáforos foram instalados e aqueles que funcionavam em três tempos passarão a funcionar em dois. Também foi necessário pavimentar 10 mil metros quadrados de via.

Desde o início da manhã prepostos da SMT estão espalhados ao longo do binário orientando os condutores. O taxista Inaldo Roque Azevedo (foto) aprovou a mudança no trânsito. Contudo, observou que os semáforos devem estar sincronizados. “Para o trânsito fluir melhor é importante que as sinaleiras estejam sincronizadas”, avaliou.

 

Comentários

comentários

Veja também