Eixo sul do Rio São Francisco terá estudo de viabilidade

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

A transposição do eixo sul do Rio São Francisco começa a ser analisada este mês, quando a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) contratará estudo de viabilidade técnica e econômica da obra.

O anúncio foi feito ontem pelo secretário estadual da Casa Civil, Rui Costa, durante a quarta reunião itinerante do Comitê Estadual para Ações de Convivência com a Seca, realizada em Juazeiro. Participaram do encontro os 16 prefeitos dos territórios Sertão do São Francisco e Itaparica.

Segundo o secretário, que coordena o comitê, a transposição do eixo sul do rio foi solicitada pelo governador Jaques Wagner à presidente Dilma Rousseff, que autorizou a realização do projeto. “Estamos tratando a transposição com total prioridade”, disse Rui Costa. Com investimento de cerca de R$ 4 bilhões, será construído um canal que levará a água do São Francisco para a Barragem de São José – a extensão estimada é de 400 quilômetros.

Na reunião, também foi anunciada a construção de uma biofábrica em Juazeiro, para a produção de mudas de palma, que garantirão, em períodos de seca, reserva alimentar para os rebanhos. De acordo com o secretário estadual da Agricultura, Eduardo Salles, esse anúncio responde à demanda da região, que possui o maior rebanho de caprinos do Brasil e o segundo maior de ovinos.

Fonte: Redação / Seagri

OUTRAS NOTÍCIAS