Mutirão para renegociar dívidas de agricultores

Agricultores da região Norte do estado participaram do mutirão de renegociação de dívidas com o Banco do Nordeste do Brasil (BNB), realizado na última quarta-feira (8), no Centro Cultural Pedro Edson, no município de Ourolândia, pela Secretaria de Agricultura do Estado (Seagri), em parceria com o BNB, Banco do Brasil (BB) e as prefeituras municipais dos municípios Umburanos, Várzea Nova, Mirangaba e Ourolândia.

A iniciativa tenta resolver a inadimplência de mais de dois mil agricultores da região, a exemplo de Manoel Dias Santos, produtor de milho, feijão, mamona e mandioca, que participou do mutirão e diz que dentro de mais 60 dias deverá quitar a sua dívida com o BNB.

Desconto de até 85%

O secretário estadual da Agricultura, Eduardo Salles, destacou que o governo federal está dando a oportunidade para os produtores quitarem suas dívidas, por entender que a inadimplência não culpa do devedor, mas de fatores que aconteceram nos últimos anos.

“Precisamos destravar o crédito na região e esse é o momento”. Segundo Salles, a renegociação da dívida oferece desconto de até 85% e carência de três até sete anos para pagar.

Na opinião do gerente executivo do Banco do Nordeste na Bahia, José Menezes Lima Júnior, o crédito voltará a movimentar a economia da região, que é bastante carente. Ele explicou que não se trata de anistiar a dívida, mas uma renegociação em condições diferenciadas e totalmente vantajosas, “uma oportunidade para que os efeitos da estiagem sejam minimizados”.

Fonte: Redação / Agecom

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS