Alê Abreu se pronunciou sobre a indicação de sua animação ao Oscar

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email
Desenho nacional indicado Oscar

Diretor de O Menino e o Mundo, Alê Abreu postou uma mensagem no seu perfil pessoal do Facebook no início da tarde desta quinta-feira, pouco depois do anúncio dos indicados ao Oscar 2015.

Seu filme é a primeira animação brasileira a concorrer ao prêmio máximo da indústria do entretenimento.

– Nosso filme nasceu como um grito sincero, de liberdade, de amor, um grito político, latino-americano. Mas, sobretudo, um grito contra o sufoco que a grande indústria cria aos potenciais artísticos, poéticos e de linguagem da animação. Acho que esse grito ecoou onde precisava ecoar – escreveu o diretor.

A mensagem começa com agradecimentos a parceiros de empreitada e termina exaltando o fato de ser “zebra”:

– Somos a zebra do ano, com o maior orgulho de ser zebra, e vamos trabalhar forte para trazer o careca dourado para o Brasil! Viva a animação brasileira!

Confira a íntegra do texto:

Antes de qualquer outra palavra, queria agradecer. Agradecer ao menino imaginário que demos voz. Agradecer à minha parceira Priscilla Kellen e a toda a equipe Filme de Papel, Fê, Tita, Tainá, a Ultrassom, Binho Feffer e Gustavo Kurlat, Naná, Barbatuques, Emicida, Gem e a tanta gente que ajudou a construir este filme. Agradecer a Elo e sua equipe, que deram suporte para o Menino caminhar pelo Mundo. Ao cinema brasileiro, à Ancine e às políticas que possibilitaram a realização de um filme independente, sem qualquer demanda de mercado, e a Gkids que levou o filme aos USA e batalhou muito por nós.

Nosso filme nasceu como um grito sincero, de liberdade, de amor, um grito político, latino-americano. Mas, sobretudo, um grito contra o sufoco que a grande indústria cria aos potenciais artísticos, poéticos e de linguagem da animação. E acho que esse grito ecoou onde precisava ecoar. Um momento importante onde filmes de animação mais autorais concorrem ao prêmio maior da indústria de cinema.

Como disse o NY Times, somos o “Outside In”! “Black Horse”, segundo o IndieWire! Somos a zebra do ano, com o maior orgulho de ser zebra, e vamos trabalhar forte para trazer o careca dourado para o Brasil! Vitória! Airgela! Viva a animação brasileira!

Muito obrigado por todas as mensagens de carinho e alegria. Estamos muito felizes!

OUTRAS NOTÍCIAS