‘Bonitinha, mas ordinária’ chega aos cinemas

Letícia Collin tinha 18 anos quando filmou “Bonitinha, mas ordinária”, nova adaptação da peça de Nelson Rodrigues, que estreia nesta sexta-feira (24). Cinco anos depois, a atriz disse que gostou de rever o filme dirigido por Moacyr Góes.

O filme narra a história de Edgar (João Miguel), homem humilde e pobre que tem proposta de casamento por dinheiro com a filha de seu chefe, Maria Cecília (Letícia), ou ficar com Ritinha (Leandra Leal), pela qual é apaixonado.

 

O porquê do longa-metragem chegar aos cinemas apenas cinco anos após a realização das filmagens foi explicado em detalhes por Diler Trindade. “Quando resolvemos filmar Bonitinha, mas Ordinária já havia imaginado que seria difícil conseguirmos recursos, porque o cinema nacional havia ficado muito pudico. Começamos a produzir e filmamos, mas ainda sem dinheiro. Quando temos o elenco ideal, com as agendas fechadas, temos que filmar. Então fui pegar dinheiro emprestado com agiota, pagando 3% ao mês, e depois fui ao mercado captar. Sempre gostei de fazer isto porque acho que é mais fácil vender o filme quando já existem cenas que possam ser exibidas. Só que o investimento passa pelos homens de marketing das empresas e eles achavam que o filme era pesado demais, então tive muitas dificuldades. Perdemos alguns editais também. Foram quatro anos de captação e muita dificuldade.

Fonte: Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS