Percussionistas feirenses no Arrastão do Olodum

Dezenas de percussionistas feirenses de grupos culturais de ritmos afros estarão se apresentando no Arrastão do Olodum, no sábado (27) de Micareta, agitando o Circuito Quilombola. A iniciativa faz parte do projeto Rufar dos Tambores, trazido à Feira de Santana pelo Governo Municipal, e visa estabelecer intercâmbio entre bandas de tambor.

Um workshop coordenado por Bartolomeu Pereira Nunes, o Mestre Memeu, do Olodum, e o mestre Gilmário Marques, reuniu, na tarde desta quarta-feira (17), na Casa de Shows Ali Babá, cerca de 50 percussionistas integrantes de diversos grupos culturais, que aprenderam noções de afinação de instrumentos percussivos: surdos, repiques, bacurinhas e caixas.

O projeto busca a valorização dos ritmos fortes dos instrumentos de percussão, que tem origem em alguns bairros periféricos de Feira de Santana, onde a cultura afro vem ganhando cada vez mais ascensão, principalmente junto ao publico jovem.

Fonte: Redação / Secom

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS