De veneno de rato a removedor de esmalte: Conheça alguns ingredientes chocantes do cigarro

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

Todos sabem os prejuízos que o fumo traz para as pessoas que usufruem desse produto.

 

Entretanto, fizeram uma lista de componentes chocantes que são encontrados dentro de apenas um cigarro, o que faz qualquer pessoa repensar o ato de fumar.

 

Um grupo de não-fumantes criou um site dedicado a ajudar as pessoas da cidade de Forsyth County, na Carolina do Norte, EUA, a deixar de fumar. Eles explicam a composição de mais de 4.000 produtos químicos que um cigarro possui, e que muitos são semelhantes às substâncias encontradas em depósitos de lixo tóxico.

 

A lista vai longe: acetona, que é um removedor de esmalte; amônia, gás metano de esgoto, arsênio, que é usado em veneno de rato; gás butano, entre outros vários ingredientes.

O monóxido de carbono e o cádmio, o qual é utilizado em baterias, também estão incluídos. Depois, há ainda o veneno cianeto e um inseticida proibido no mercado chamado DDT. Cigarros também contêm formaldeído, usado para preservar animais mortos, hidrazina, que é um combustível de foguete, e também um ácido, o qual é encontrado em cera de vela. Eles também contêm chumbo, que é tóxico em altas doses, e polônio, um elemento radioativo que causa câncer.

 

Um dos problemas com cigarros é que eles têm centenas de ingredientes adicionados, e não apenas o que é, naturalmente, encontrado na planta do tabaco“, afirma Dr. Luz Claudio, um cientista de saúde ambiental no Mount Sinai School of Medicine. “O que complica isso ainda mais é que quando esses produtos químicos queimam, formam outros produtos químicos que podem ter efeitos adicionais sobre a saúde“.

Fonte: Jornal Ciência/ Foto: Web.

OUTRAS NOTÍCIAS