Homem é preso após gravar iniciais do próprio nome em órgão genital da namorada

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

Um homem foi preso pela polícia do Arizona (Estados Unidos) depois de ser acusado de gravar as iniciais do seu nome na “área vaginal” de sua namorada. Christopher Lynn Jackson, de 49 anos, usou um maçarico e letras feitas de ferro para marcar suas iniciais (C e J) na genitália da namorada, que estava dopada.

 

Na delegacia Christopher se defendeu dizendo que a área íntima da amada pertencia a ele. Os policiais o prenderam e investigaram o caso, descobriram que ele já o fez o mesmo com outras namoradas.

 

 

Fonte: Redação/ Tech Mestre

OUTRAS NOTÍCIAS