Alguns políticos brasileiros agem como coveiros insensíveis ao sofrimento do povo / Sérgio Jones

Políticos coveiros do povo

Corja de políticos canalhas, pulhas insensíveis se espalham por toda a nação que nem erva daninha, a começar pela triste figura do negacionista presidente Jair Bolsonaro.

Em Feira de Santana, não é diferente, enquanto o povo morre que nem mosca abatido pelo Covid-19 o prefeito de direito e não de fato, Colbert Martins (MDB). Ocupou recentemente a imprensa local para anunciar de forma demagógica, que considera ainda muito cedo para se discutir a questão das eleições, e que o tema deve ser tratado no ano que vem.

Esses tipos de coveiros políticos estão com suas preocupações voltadas para as disputas que se avizinham com a aproximação das eleições de deputados em níveis estadual e federal, prevista para acontecer em outubro de 2022.

A mesma situação se verifica na Câmara Municipal de Feira de Santana, composta de 21 vereadores, o clima é o mesmo.

O grau de insensibilidade e de empatia por parte deles para com o sofrimento que acomete toda a população brasileira, não parece ser prioridade. Os abutres políticos querem continuar se locupletando dos privilégios, graciosamente proporcionados pelos podres poderes.

Exemplo que evidencia muito bem a situação, em escala nacional, é o caso da Proposta de Emenda à Constituição 186/2019, a chamada PEC Emergencial, que se arrasta no Congresso e continua em pauta da sessão plenária desta tarde no Senado, mas apenas para que a discussão da matéria comece.

A mesma lentidão, entretanto, não se verifica quando se trata da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) que visa a evitar que outros deputados sejam presos pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

O Objetivo da pressa é se blindar através da ampliação de privilégios obtidos pela famigerada imunidade parlamentar. Ampliando uma espécie de manto protetor que acoberte ainda mais os crimes cometidos por suas excelências, para que possam continuar impunes.

Toda essa odiosa empulhação vem sendo orquestrada pela batuta do presidente da Câmara Federal, líder do PP e Centrão Arthur Lira. Político que enfrenta importantes processo na Justiça, na Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF).

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS