Tempo - Tutiempo.net

Aprovação de Bolsonaro alcança a pior marca desde o início do mandato

Cai aprovação

Aprovação popular de Jair Bolsonaro só é melhor do que a de Fernando Collor com tempo equivalente no governo, mostra Datafolha

A pesquisa Datafolha divulgada na quarta-feira (12) informa que a aprovação ao governo Bolsonaro caiu 6 pontos percentuais e atingiu o menor índice desde o início da gestão, iniciada em janeiro de 2019.

De acordo com o Datafolha, 45% dos entrevistados classificaram o governo como ruim ou péssimo.

Os que consideravam o governo ótimo ou bom eram 30% e agora são 24%, e os que julgavam regular eram 24% e agora são 30%, segundo o instituto.

 VEJA O RESULTADO:
Ótimo/bom: 24% (eram 30% no levantamento anterior)
Regular: 30% (eram 24%)
Ruim/péssimo: 45% (eram 44%)
Não sabe: 1% (eram 2%)

ELEIÇÕES 2022
O Datafolha também divulgou números sobre a corrida presidencial de 2022. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva estaria em situação melhor do que a de Jair Bolsonaro.

Lula lidera as intenções de voto com 41%, se o primeiro turno da eleição fosse hoje, bem à frente de Bolsonaro, com 23%. Num eventual segundo turno, Lula teria 55% contra 32% de Bolsonaro.

Na pesquisa espontânea – em que o entrevistado aponta em quem votaria sem ser apresentado a algum nome – Lula também lidera. Tem 21%, ante 17% que dizem preferir Bolsonaro.

O atual presidente da República só lidera no quesito rejeição: 54% não votariam em Bolsonaro de jeito nenhum, enquanto a taxa de Lula é de 36%.

Sergio Moro (sem partido) aparece em terceiro na pesquisa, com 7% das intenções de voto em primeiro turno, segundo o instituto.

Em seguida vêm Ciro Gomes (PDT), com 6%, e Luciano Huck (sem partido), com 4%. O governador de São Paulo, Joao Doria (PSDB), aparece com 3%, e Luiz Henrique Mandetta (DEM) e João Amoêdo (Novo), com 2%.

RPP

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS