Tempo - Tutiempo.net

Bolsonaro: a espera de um milagre que não vai acontecer/ Por Sérgio Jones

O milagre não vai acontecer

O governo do ignominioso Jair Bolsonaro começa a tomar forma e ter aparência bizarra, definição que se traduz de forma cristalina diante da realidade em que nos encontramos. Caracterizado por atos e ações não só verbalizadas, como também praticadas.

Mesmo derretendo nas pesquisas o posicionamento sádico que vem sendo demonstrando pelo déspota não esclarecido se traduz em atos com elevado grau de malignidade que a todos têm prejudicado de forma indistinta através de seus excessos, hábitos e vícios praticados.

Mesmo diante dessa brutal realidade em que o povo vive, resultado de uma escolha popular feita de forma equivocada. O trevoso mandatário continua se utilizando de suas milícias fardadas e não fardadas, que se deixaram corromper pelo brilho falso do vil metal,

O que deixa transparecer é que o seu desgoverno já está com as horas e os dias em contagem regressiva, para ser defenestrado de uma vez por todas, do poder.

O cenário político desenhado e desejável de Bolsonaro e sua caterva é que o melhor, para a candidatura dele é que o ex-juiz da Lava Jato e seu ex-ministro, Sergio Moro, se mantenha fixo no patamar de 9% de votos na disputa presidencial.

Acreditam seus asseclas e colaboradores de última hora que diante desse cenário, o Moro poderá atuar como uma espécie de ‘poupança de votos’ que migrariam para o presidente em um improvável segundo turno”.

Como acreditam alguns incautos, diante do desespero, de que de esperança também se vive. Mas existem aqueles que definem os esperançosos como um ignorante. Pois alegam, se pudessem eles realizar o seu desejo, agiria e não esperaria. Em suma, o esperançoso é um impotente.

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS