Feira: 179 funcionários da prefeitura sob suspeição de terem recebido auxílio emergencial/ Sérgio Jones

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email
Tabuleiro da Maria: agosto 2011- Ele sabe o que é corrupção.

O prefeito de direito e não de fato, Colbert Martins, está jogando para a plateia ao afirmar que o Governo Municipal de Feira de Santana vai apurar quais os servidores que realmente receberam indevidamente o auxílio emergencial de R$ 600,00 do governo federal, conforme notificação do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM).

Primeiro, conforme tem demonstrado a prática de sua administração refratária, ela não é chegada a apurar escândalos, em situações e em momentos outros, o prefeito já chegou a se posicionar contrário a realização de CPI, para apurar irregularidades no sistema de saúde do município.

Determinando a sua bancada de sustentação no legislativo feirense que se articulasse para impedir a realização da mesma, sob o argumento faccioso de que CPI é coisa de partidos de oposição.

Por quê logo em ano eleitoral e de olho no voto partiria o ‘lídimo’ mandatário para o confronto direto com seus ‘dedicados’ funcionários?

“Estamos averiguando com todo cuidado, inclusive com cruzamento de dados, se houve alguma ilegalidade, pois até o TCM está tratando como possível recebimento indevido”, garante.

O alcaide de plantão afirma que se constatada alguma irregularidade, não passará a mão pela cabeça de ninguém. Para ele, tal comportamento caracteriza-se como ato de corrupção”.

Observem que em seu pronunciamento, ele se utiliza da condicional “Se”. E que constatada alguma irregularidade, não passará a mão pela cabeça de ninguém… acreditem se quiser, pois o seu passado o condena, e a sua prática, nesse campo, não é o que podemos considerar como um bom exemplo, ou modelo a ser seguido.

O desfecho de toda essa novela não promete conter muitos capítulos. Após as eleições serão imediatamente esquecidos e a impunidade, como sempre, continuará imperando no país com o aval e as bênçãos de suas excelências.

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

OUTRAS NOTÍCIAS