Tempo - Tutiempo.net

Feira: governo municipal quer imprimir estilo de administração que não possui/ Sérgio Jones

Não desobedeça

Seria hilário se não fosse trágico o que anda divulgando na imprensa local o prefeito de direito e não de fato Colbert Filho (MDB). Ao se referir sobre o fato de não se encontrar disposto a abrir mão da indicação de cargo político-administrativo na zona rural.

O que precisa saber é se ele já combinou com Ronaldo de Carvalho e recebeu o sinal verde, para adotar essa tomada de decisão.

Tentando demonstrar uma autonomia que não dispõe asseverou que a grande maioria sairá da sua cota de prefeito. Colbert Martins quer o total e aparente controle que acredita ter nas indicações, imprimido o seu estilo.

A grande incógnita, em toda essa equação, é saber qual é mesmo o seu estilo.

Outro erro crasso cometido por ele foi afirmar que na condição de mandatário busca em sua administração valorizar o oficial de gabinete, símbolo DA-3, colocando quadros de peso na função. E cita como exemplo mais recente, a nomeação do ex-vereador de dois mandatos Isaías de Diogo.

Tal comentário abriu espaço para que surgisse nos bastidores políticos comentários jocosos tipo:” se existe algum peso nessa contratação, deve ser peso pena”.

Portanto, é do conhecimento geral que mais uma vez o alcaide falta com a verdade. E que ele poderia dar relativa contribuição para sociedade, em momento como esse, se utilizasse do direito de permanecer calado.

Talvez, fosse essa a atitude mais sábia a ser adotada nessas situações. Como sentencia o velho e bom aforismo: “Mais vale um silêncio certo do que uma palavra errada”.

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS