Tempo - Tutiempo.net

Os esperançosos / Por Sérgio Jones

Os considerados e manjados órgãos de imprensa chapa-branca de Feira de Santana continuam na sua marcha inglória de propagar inverdades.

A exemplo da veiculação de notícias sucessivas de que ex-prefeito José Ronaldo tem alguma esperança de ser indicado para compor a vaga, na condição de vice-governador, na chapa liderada pelo ex-prefeito de Salvador e pré-candidato a governador ACM Neto.

Se ele e seus seguidores alimentam alguma perspectiva neste sentido, pode começar a tirar o cavalinho da chuva.

Se tem alguma esperança, partindo do princípio de que a esperança é a última que morre, neste caso em particular, está condenada ao insucesso desde o seu aparecimento. Essa nasceu natimorta.

Outro político que pode estar equivocado e com suas esperanças abaladas é eterno candidato, o dublê de empresário e desportista Zé Chico.

Ele integra União Brasil e garante que vai ser eleito deputado federal. Se repetir os fracassos políticos anteriores, será mais um a dar com os burros n’água.

Outro que integra o time de pleiteadores a compor a chapa na condição de vice de ACM Neto é o não menos emblemático deputado Marcelo Nilo. Que admite não ter ‘plano B’ para o pleito que se avizinha, este ano.

“Por enquanto eu tenho o ‘Plano A’ que é ser candidato a vice. E garante que se não for convidado para essa festa de muitos caciques e poucos índios, ele sairá candidato a deputado federal.

Estes seres patéticos e voluptuosos me recordam um dos poemas épicos de Bertold Brecht. Que tem por título: Os esperançosos.

Pelo que esperam? Que os surdos se deixem convencer e que os insaciáveis lhes devolvam algo? Os lobos os alimentarão, em vez de devorá-los! Por Amizade os tigres convidarão a lhes arrancarem os dentes! É por isso que esperam!“

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS