Tempo - Tutiempo.net

Zé Chico: de olho no voto popular para defender interesses do agronegócio/ Por Sérgio Jones

Zé Chico será mesmo candidato a deputado federal

Há um dito popular que sentencia a seguinte verdade: “se conhece o homem no arriar das malas”. O dublê de empresário e político, sem nunca ter sido, é uma prova inconteste dessa máxima.

Embora para se eleger precise contar com os votos das massas desassistidas socialmente. Zé Chico na condição de pré-candidato a deputado federal, apadrinhado pelo ex-prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo, acena e diz desejar ser candidato a deputado federal (União Brasil) visando atender os interesses do agronegócio.

Ele defende ser o agronegócio um importante impulsionador da economia brasileira. “Temos que dar nossa contribuição para que o agronegócio seja determinante no crescimento econômico da região. E essa é uma das nossas bandeiras”.

O curioso é que nessa citação fica subentendido que ele acena para defender interesses desse reduzido segmento composto de uma casta de privilegiados, em detrimento dos reais interesses da maioria da população. Que do agronegócio não está usufruindo nem mesmo dos ossos da carcaça do boi, para ser chupados.

Tal declaração deixa claro o quanto os representantes das classes ricas subestimam a inteligência das massas. Esses “representantes do povo” não preocupam mais em esconder as suas maléficas e verdadeiras intenções.

Talvez seja reflexo do que ocorreu na eleição passada, em que por estupidez ou desinformação popular, elegeu-se um presidente do nível de Jair Bolsonaro. Que pode ser qualificado como o ser mais abjeto, desprezível e único a ter alçado ao cargo de presidente, ao longo de toda a nossa lamentável história.

O que possibilitou o surgimento do que há de mais execrável em nossa sociedade. Ganhando visibilidade e ascensão ao poder pessoas que viviam atolados e esquecidas no lodo fétido da história brasileira. Local em que eles se mantinham e deveria ter permanecido.

Sérgio Jones, jornalista (sergiojones@live.com)

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS