Tempo - Tutiempo.net

O boicote da China à carne brasileira, por Luis Nassif

Brasil, rebanho bovino

Vamos a alguns números iniciais, para analisar o impacto do boicote da China {a carne brasileira.

Em outubro, a queda foi vertiginosa. Até setembro as compras vinham em um crescendo, em dólares.

Em setembro, a média mensal dos 12 meses bateu em US $649 milhões; as compras mensais, em US$ 950 milhões. Em outubro, as compras mensais caíram para US$ 245 milhões e a média baixou para US$ 621 milhões.

Mesmo assim, no acumulado de 12 meses até outubro, houve uma alta de 10,9% nas exportações de carne, em relação a 12 meses atrás. E crescimento expressivo em outros itens, especialmente Extração de Minério de Ferro e Soja.

Um histórico da variação das vendas em 12 meses, no entanto, mostra o crescimento vertiginoso da extração de minério – começando a ceder depois da crise no mercado imobiliário chinês/ uma queda expressiva na carne, um crescimento moderado em Soja.

Mesmo assim, a participação chinesa na balan;a comercial brasileira é avassaladora.

Nos 12 meses até outubro de 2021, as compras chinesas chegaram a US$ 99,7 bilhões, 40,11% das exportações brasileiras no periodo. Em outubro de 2016, o acumulado mal chegava aos US$ 30 bi.

Quando se compara com a pauta de exportações para os Estados Unidos, no entanto, percebe-se que para lá a pauta e mais diversificado, com menos dependëncia da indústria extrativa.

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS