PIB da Bahia se mantém acima da média nacional

O Produto Interno Bruto (PIB) da Bahia cresceu 1,48% no primeiro trimestre de 2013, em comparação com o último trimestre de 2012, enquanto o PIB nacional cresceu 0,6% no mesmo período, segundo informações divulgadas nesta quarta-feira (29) pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia da Secretaria do Planejamento do Estado da Bahia (Seplan).

Previsão de crescimento está mantida

De acordo com o diretor-geral da SEI, Geraldo Reis, em uma perspectiva mais estrutural, mantém-se a tendência de diminuição do ritmo de crescimento do consumo e de um retorno de crescimento dos investimentos, dando maior equilíbrio entre os pilares da estratégia de crescimento econômico.

“Nesse contexto, a nossa projeção de uma taxa de crescimento para a Bahia de 2,5% em 2013 está bastante alicerçada, pois, tradicionalmente, o segundo e o terceiro trimestre apresentam maiores taxas de crescimento da atividade econômica”, afirma Reis.

 

Setor de Serviços cresceu 0,9%

O setor de serviços registrou expansão de 0,9%, influenciado pelo setor administração pública, principal segmento dos serviços, que cresceu 1,3%, e pelo setor de transportes, que acumulou um crescimento de 6,2%. Já o segmento do comércio varejista sofreu queda de 1,5%, devido às reduções nas vendas dos setores de atacado e varejo de combustível (-14,9%) e material de escritório e informática (-12,8%).

Seca ainda causa prejuízos à lavoura

O PIB do setor agrícola do 1º trimestre apontou retração de 4,2% na atividade. Mais uma vez a queda na produção agrícola teve como principal fator a seca que há dois anos atinge a Bahia. De acordo com os dados do LSPA do IBGE, no primeiro trimestre de 2013, os grãos registram retração de 6,3%, sendo que o algodão teve queda de 17,3%, a soja (-17,7%), cacau (-8,3%) e a cana-de-açúcar (-1,3%). Por outro lado, foi verificada expansão da produção de feijão (65,4%), milho (16,3%) mandioca (7,6%) e café (2,8%).

Fonte: Redação / Agecom

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS