Restaurante serve comida com barata dentro e paga R$ 12.000 de indenização

Duas empresas e uma mesma identificação

Recebemos na tarde dessa segunda feira (13.06. 2016) a seguinte explicação sobre a matéria abaixo, e fazemos a publicação para que se proceda uma justa correção dos fatos, provocados  Por ser uma empresa de razão social homônima ao nome fantasia da empresa, conforme explica a própria empresa. A Matéria teve como Fonte, Bahia Negócios.

Deixaremos essa matéria com a explicação do fato por mais algum tempo para que os internautas possam ter conhecimento da situação de homônimo e desfaça as dúvidas que possam existir.

Boa tarde Sr. Carlos Lima,

Falo em nome do meu cliente F4 Fazdolar Alimentos – Restaurante Fazendola.

Conforme adiantei por telefone, o motivo do meu contato é referente a esta matéria:

http://www.cljornal.com.br/economia/restaurante-serve-comida-com-barata-dentro-e-paga-r-12-000-de-indenizacao/

Esclarecendo a situação: na época realmente encontraram uma barata no restaurante RIO NOVO FAZENDOLA, mas esta empresa não tem nenhuma ligação com nossa empresa que funciona desde 1999 e que tem o nome fantasia FAZENDOLA e razão social F4 Fazdolar Alimentos

ESTA É A EMPRESA QUE TEVE O PROBLEMA:

CNPJ do Estabelecimento: 04.944.124/0001-86
Razão Social da Empresa: RESTAURANTE RIO NOVO FAZENDOLA LTDA
Endereço: AV PASTOR MARTIN LUTHER KING JR 126 BL 1 LJ 115 PT
CEP: 20765-000
Bairro: DEL CASTILHO
Município: Rio de Janeiro
Estado: Rio de Janeiro

ESTA É NOSSA EMPRESA:

CNPJ do Estabelecimento:  03.017.971/0001-32

Nome fantasia Fazendola

Razão social F4 Fazdolar Alimentos Ltda – Epp

Endereço R Jangadeiros, 14, Loja A E B

CEP: 22420-010
Bairro: IPANEMA
Município: Rio de Janeiro
Estado: Rio de Janeiro

Site: www.fazendola.com.br

Por ser uma empresa de razão social homônima ao nome fantasia da empresa, foi noticiado uma mistura de informações que gerou erro de interpretação de quem é a empresa da matéria. Na época solicitamos aos jornais de grande circulação a retirada e retratação e fomos atendido.

Por esse email, venho em nome da empresa, pedir que delete a matéria, pois quando os internautas procuram na busca do Google a palavra FAZENDOLA(opção imagem) estão sendo direcionadas a matéria que expõe uma barata e divulga uma informação errônea, denegrindo a imagem do Restaurante.

https://www.google.com.br/search?q=fondue+fazendola&client=firefox-b&source=lnms&tbm=isch&sa=X&ved=0ahUKEwjKvZidwPrMAhVJHZAKHZhgBfMQ_AUICCgC&biw=1469&bih=676#tbm=isch&q=fazendola&imgrc=XmgP8k42jHyS0M%3A

Desde já agradeço e fico a disposição para eventuais dúvidas e esclarecimentos.

Ats

Alexandre de Napoli

 

A MATÉRIA PUBLICADA
Explica Átila A. Nunes, coordenador do serviço Em Defesado Consumidor.com.br , que a autora da ação relatou ter comprado uma refeição do restaurante réu e, durante o consumo, encontrou uma barata no feijão e se dirigiu a um funcionário do estabelecimento, que lhe propôs a devolução da quantia paga, mas não aceitou a oferta. Sentindo-se lesada, decidiu registrar o ocorrido na administração do shopping onde o restaurante está instalado e na ouvidoria da vigilância sanitária.O Desembargador Luciano Sabóia Rinaldi de Carvalho, da 7ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio, condenou o Restaurante Rio Novo Fazendola, em Ipanema, Zona Sul do Rio, a indenizar em R$ 12.000, por danos morais, a cliente Cristiane Aline Bessa.

O responsável pelo Rio Novo Fazendola alegou, em sua defesa, disse ter agido conforme as determinações do Código de Defesa do Consumidor (CDC), pois, ao constatar que a comida estava imprópria, ofereceu à cliente a restituição da quantia paga.

Para o Desembargador, situações como estas causam ao indivíduo transtornos além do razoável, e, mesmo a parte ré tentando defender a sua excelência ao alegar ter agido baseado no CDC, este instrumento legal garante ser a responsabilidade do prestador de serviços objetiva, exigindo, para sua configuração, a demonstração do fato, o dano e o nexo causal, o que foi devidamente comprovado nos autos.

Fonte: Bahia Negócios

Share on facebook
Facebook
Share on google
Google+
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest

OUTRAS NOTÍCIAS