Estagiário morre em Londres após trabalhar 72 horas seguidas

Um estagiário de 21 anos morreu após ter trabalhado por 72 horas seguidas no Bank of America Merrill Lynch, em Londres. Moritz Erhardt teve uma convulsão e foi encontrado já sem vida pelos seus colegas de residência no último dia 15 de agosto. Ele era de origem alemã e fazia um intercâmbio de algumas semanas no banco.

 

Segundo relatos de alguns funcionários, muitos dos estagiários passam cerca de dez semanas no intercâmbio, e como saem tarde do escritório costumam beber altas doses de café para aguentar a rotina. No entanto, muitos não reclamam por considerarem boas as possíveis recompensas.

 

O banco pagava por mês um salário de cerca de R$ 10 mil aos estagiários, porém estes trabalham 100 horas, 110 horas por semana. Esta rotina de trabalho seria o motivo da morte de Moritz. Testemunhas relataram que o jovem costumava sair do trabalho por volta das 6h da manhã, ia para casa tomar um banho, trocava de roupa e voltava para trabalhar, sem fazer pausas para o descanso.

 

Um representante do banco declarou que a instituição irá aguardar o resultado dos exames da perícia, e que envia suas condolências para os familiares do jovem.

 

 

Fonte: Redação, com informações do R7

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS