Tempo - Tutiempo.net

BRASIL GANHA O DECACAMPEONATO DO GRAND PRIX DE VÔLEI FEMININO

A seleção brasileira de vôlei feminino venceu pela 10ª vez o Grand Prix, na manhã deste domingo (24), em uma partida marcada por erros e nervosismo da seleção japonesa, que chegou ao duelo no Ariake Collesium, em Tóquio, Japão, com vantagem de precisar vencer somente dois sets.

Sheilla foi eleita a melhor da partida e conquista seu 6º título do torneio, disputado pela 21ª vez pela seleção.

Enquanto as brasileiras perderam logo a primeira rodada, as japonesas haviam perdido somente 1 set na etapa decisiva.

O primeiro set começou equilibrado, mas as japonesas demonstravam nervosismo e cometiam sequência de erros, sobretudo nos ataques.

A parcial precisou de 26 minutos para fechar em 25/15 para a seleção verde e amarela.

Já no segundo set, as atuais campeãs olímpicas mantiveram a vantagem do início ao fim, com uma aproximação das adversárias na metade da parcial após bons saques de Saori Kimura.

Contudo, novamente os erros das japonesas contribuíram com a vitória das brasileiras: 25/18 em 28 minutos.

Naquele momento, Sheilla já era tida como destaque, pois era a única jogadora a ter marcado pontos nas três formas possíveis: um de saque, três de defesa e sete em ataques. Enquanto isso, as asiáticas colecionavam 20 erros contra 10 das brasileiras.

O Japão cresceu substancialmente de produção no terceiro set e chegou abrir vantagem na parcial, porém a seleção do técnico José Roberto Guimarães não se abateu e manteve o foco na conquista do decacampeonato.

Em determinado momento da última parcial, a seleção verde e amarela passou a errar tanto quanto as jogadoras da terra dos mangás. Fabiana chegou a deixar a bola cair próximo ao árbitro.

No momento mais eletrizante do jogo, Brasil e Japão empatavam em 24/24 e seguiam na disputa ponto a ponto, mas após 34 minutos a seleção deca campeã fechou em 27/25.

No total, foram 76 pontos brasileiros (36 em ataques, 10 em bloqueios, dois em serviços e 29 de erros das adversárias) e 58 japoneses (36 em ataques, três em bloqueios, quatro em serviços e 15 de erros das brasileiras) em 1 hora e 28 minutos de partida.

EQUIPES

BRASIL – Dani Lins, Sheilla, Fernanda Garay, Jaqueline, Thaísa e Fabiana. Líbero – Camila Brait
Entrarou: Monique,
Técnico: José Roberto Guimarães
JAPÃO – Haruka, Nagaoka, Saori Kimura, Ishii, Shinnabe e Ono. Líbero – Yuko Sano
Entraram: Ishida, Nakamishi, Ebata e Takada
Técnico – Manabe Masayoshi


JOGOS DO BRASIL NA FASE DECISIVA

20/08 – Brasil 2 x 3 Turquia, (18/25, 23/25, 25/21, 25/19 e 15/12)
21/08 – Brasil 3 x 0 China (25/23, 25/20 e 25/21)
22/08 – Brasil 3 x 0 Bélgica (25/10, 25/12 e 25/12)
23/08 – Brasil 3 x 0 Rússia (25/12, 25/21 e 25/20)
24/08 – Brasil x Japão, às 7h05 (25/18, 25/15 e 27/25)

CAMPANHA DO BRASIL NA EDIÇÃO 2014:

01/08- Brasil 3 x 1 China (25/21, 23/25, 25/17 e 25/16)
02/08 – Brasil 3 x 0 Itália (25/21, 25/16 e 25/15)
03/08 – Brasil 3 x 0 República Dominicana (26/24, 25/19 e 25/18)
08/08 – Brasil 3 x 0 Coreia do Sul (25/16, 25/12 e 25/15)
09.08 – Brasil 3 x 0 Rússia (25/15, 25/21 e 25/17)
10/08 – Brasil 3 x 0 Estados Unidos (25/20, 25/22 e 29/27)
15/08 – Brasil 3 x 2 Estados Unidos (29/31, 22/25, 25/22, 25/19 e 15/9)
16/08 – Brasil 3 x 0 República Dominicana – (25/19, 25/11 e 29/27)
17/08 – Brasil 3 x 0 Tailândia – (25/15, 25/18 e 25/17).  

Fonte: Thiago Vendrami

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS