Caminho para o Mineirão tem placas da Fifa destruídas

Na véspera do jogo entre Brasil e Uruguai, pela semifinal da Copa das Confederações, a principal avenida que liga o centro da cidade ao Mineirão, na Região Norte, a Avenida Antônio Carlos, ainda guarda sinais de destruição do protesto de sábado.
Praticamente todos os cartazes da Fifa presos nos postes da avenida foram rasgados. Muros foram pichados com frases contra a Copa, entre mensagens pedindo melhores condições de transporte. Lojas ainda continuam com vidros quebrados.
Para evitar nova confusão amanhã (26), o policiamento já está reforçado nesta terça, véspera do jogo do Brasil. A Avenida Antônio Carlos está repleta de policiais. A expectativa é de que a manifestação desta quarta reúna pelo menos 100 mil pessoas no centro da cidade. Após a concentração, o protesto deve marchar rumo ao Mineirão.
A Polícia já disse que vai manter a estratégia, junto com a Força Nacional, de criar um cordão de isolamento numa raio de 2 km no Mineirão para impedir que manifestantes cheguem ao estádio. Por precaução, o prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda, decretou feriado municipal nesta quarta. Em todo o Estado, haverá ponto facultativo.

Fonte: Redação

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on google
Share on linkedin
Share on email

OUTRAS NOTÍCIAS