Tempo - Tutiempo.net

Delegação baiana de judô viaja com apoio da Sudesb para fase regional do Campeonato Brasileiro

Judocas baianos

A delegação baiana de judô, composta por 115 judocas da capital e do interior, vão disputar o Campeonato Brasileiro de Judô Região III, nestes sábado, 06, e domingo, 07, no Rio de Janeiro.

Destes, 33 já se encontram na capital carioca após viagem de ônibus e dois jovens judocas viajam nesta sexta-feira, 05, todos com o apoio da Superintendência dos Desportos do Estado da Bahia (Sudesb), autarquia da Secretaria do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre).

A competição nacional é um importante classificatório para as fases nacionais do Campeonato Brasileiro de Judô, com as categorias sub-13, sub-15, sub-18, sub-21 e senior. O diretor-geral da Sudesb, Vicente Neto, destaca a importância do apoio da autarquia estadual com as passagens aéreas para o judô e demais modalidades.

“A Sudesb consegue garantir a participação dos principais atletas do estado nas diferentes modalidades com a concessão de transporte, passagens aéreas e terrestres por meio das parcerias com as federações. No judô, não é diferente.

Esse apoio ajuda a consolidar nossos atletas nas melhores posições dos rankings nacionais, na conquista de títulos e nas representações pelas seleções nacionais. As expectativas são sempre as melhores possíveis com a força baiana no esporte”, celebra Vicente.

Ônibus – O veículo partiu de Feira de Santana também com um árbitro, um chefe de delegação e cinco técnicos. Dos atletas, as cidades representadas serão: Salvador; Lauro de Freitas; Simões Filho; Juazeiro; Cruz das Almas; Jequié; Irecê; Ribeira do Pombal; Pojuca; Manoel Vitorino; Mata de São João; Mutuípe; Xique-Xique; Nilo Peçanha; e Una.

O presidente da Federação Baiana de Judô (Febaju), Marcelo Ornellas, destaca o apoio da autarquia estadual, as expectativas e a força do interior.

“A parceria da Sudesb com a realização do Tour do Judô pelos quatros cantos do estado ajuda a disseminar e melhorar o nível do judô baiano. Atualmente, para se ter uma ideia, nossa maior força maior está no interior. O judô escolar é mais forte em Salvador, enquanto o mais competitivo e os melhores atletas estão no interior”, afirma o presidente.

Passagens Aéreas – Já os judocas soteropolitanos Arthur Figueiredo e Maria Helena Dourado vão representar a Bahia, respectivamente, nas categorias sub-18 (-90kg) meio pesado e sub-18 (-70kg) meio pesado, nas quais lideraram o ranking baiano e foram campeões estaduais em 2023.

Em 2023, Arthur também terminou em 22º lugar no ranking nacional e foi 3º lugar no Campeonato Brasileiro Região III. Maria acumulou o vice-campeonato tanto no mesmo certame quanto nos Jogos Escolares Brasileiros 2023.

Informações da Sudesb

OUTRAS NOTÍCIAS